Compartilhar:

Tá com saudades de acompanhar um jogo do Flamengo nesse período de Copa do Mundo? Pois então, uma grande oportunidade chegou! Na tarde desse domingo (08), às 15h, o Flamengo/Marinha entra em campo pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A1 2018, contra o Audax. O confronto será realizado na Gávea e terá entrada franca para a Nação Rubro-Negra.

Nas redes sociais, há um movimento considerável de convocação para essa partida. Será a primeira vez nesta temporada que a equipe Rubro-Negra disputará uma partida oficial no final de semana, visto pelos torcedores como melhor data para acompanhar os jogos. Vale lembrar que a maioria dos jogos ocorre nas quartas-feiras.

O Flamengo/Marinha volta à competição após quase um mês, sendo que as atletas representaram o Brasil nos Jogos Mundiais Militares, e conquistaram o título de forma invicta: 4 vitórias em 4 jogos. No Campeonato Brasileiro, a equipe está invicta há 7 jogos, e vem de duas goleadas aplicadas na Portuguesa, ambas por 6 a 0.

O time titular para esse jogo ainda não foi divulgado, mas a expectativa é que o técnico Ricardo Abrantes escale um time misto, sendo que a maioria das atletas disputou competições militares nas últimas semanas.

Patrocínio

Nessa semana, o Flamengo divulgou a nova parceira para a equipe de futebol feminino. A Avon, empresa líder mundial no mercado de beleza, estampará sua marca nas mangas do uniforme. O contrato vai até o final deste ano, mas ainda não será nessa rodada que a marca será exposta nos uniformes.

Classificação

Atualmente, o Flamengo ocupa a 2ª colocação do grupo 2 do Brasileiro Feminino 2018, com 15 pontos em oito jogos disputados (4 V, 3 E e 1 D).  Na Gávea, são 3 vitórias e 1 empate.

Arbitragem –  Flamengo/Marinha x Audax

O duelo será conduzido pela árbitra Rejane Caetano da Silva, auxiliado por Andrea Izaura Maffra Marcelino de Sá e Millena Cristina Barros Santos.

Regulamento

O Flamengo está no grupo 2, juntamente de Vitória-PE, Foz Cataratas/Coritiba-PR, Rio Preto-SP, Santos-SP, Portuguesa-SP, Audax-SP e Ponte Preta-SP. Na primeira fase da competição, as equipes do mesmo grupo enfrentam-se em turno e returno. As quatro melhores, avançam às quartas de finais, após isso, mata-mata com jogos de ida e volta. O campeão, além do troféu, garante vaga na Libertadores da América Feminina 2019.

Créditos imagem destacada: Caio Sertori / MRN

Quer ser apoiador do Mundo Rubro Negro? CLIQUE AQUI

Leia também:

Flamengo anuncia patrocinador para o futebol feminino

Flamengo/Marinha representa o Brasil e é bicampeão dos Jogos Mundiais Militares

Atletas do Flamengo/Marinha convocadas à Copa do Mundo Feminina Sub-20

Compartilhar: