Compartilhar:

Rodrigo Rötzsch, da equipe MRN Informação

Contratação mais cara do Flamengo na história no momento da sua realização — atualmente já foi superado por Arrascaeta –, Vitinho ainda não conseguiu justificar o tamanho do investimento: perdeu a posição de titular para Bruno Henrique no início desta temporada e não a recuperou, e foi vaiado pela torcida em diferentes momentos, inclusive na partida de ontem, contra o CSA.

Os números, porém, mostram que o jogador tem potencial para entregar mais ao Flamengo se receber mais oportunidades no time com a chegada do técnico Jorge Jesus. Na reserva e tendo passado por uma lesão que o afastou de alguns jogos na temporada, Vitinho completou ontem 915 minutos em campo no ano e marcou seu sexto gol. A média, de um gol a cada 152 minutos, é exatamente a mesma do seu substituto como titular: Bruno Henrique marcou 13 vezes, mas já jogou 1.980 minutos na temporada.

Os dois só estão atrás do artilheiro rubro-negro na temporada, Gabriel Barbosa, que marcou ontem seu 14º gol em 2.022 minutos em campo — média de um gol a cada 144 minutos.

Vitinho em ação contra o CSA: o atacante chegou a 6 gols em 915 minutos de futebol na temporada. Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

A performance de Vitinho é muito superior à do ano passado, quando marcou cinco gols em 1822 minutos em campo — média de um gol a cada 364 minutos.

Em entrevista após a partida de ontem, Vitinho se mostrou magoado com as vaias, que considerou injustas:

— Em alguns momentos não dá para entender, como foi hoje, participei bastante e fui vaiado. Mas, fazer o quê? Só tenho controle do que posso fazer. Meus companheiros deram confiança e consegui fazer o gol.

O técnico interino Marcelo Salles elogiou o atacante:

— Não é nenhuma surpresa o que ele apresentou hoje. Um jogador que tem o nosso respeito e carinho. Sempre que entrou procurou dar o seu melhor, buscando o gol, é um atleta que dentro do nosso elenco é muito importante. Hoje a gente com sete desfalques ainda conseguir ter um atleta com a condição do Vitinho para entrar e decidir, a gente fica muito satisfeito.

Compartilhar: