Compartilhar:

Erick Viana, da equipe MRN Informação

De volta ao Tijuca, o Flamengo recebeu o Botafogo pela última rodada do returno do Campeonato Carioca de Basquete, e venceu por 88 x 76 na primeira partida da temporada no Ginásio. Com a vitória, o Rubro-Negro garante o mando de quadra da final contra o próprio clube alvinegro. Ambas as equipes tem três vitórias na competição, e o critério de desempate sai do confronto direto, onde o clube da Gávea perdeu a primeira para os botafoguenses por 100 x 98, e para conquistar o mando de jogo, precisava ganhar por mais de dois pontos de diferença, o que fez com sobra.

Em quadra

O destaque do primeiro quarto foi Olivinha, que fez a primeira cesta do Mengão e seguiu construindo sua pontuação, sendo o cestinha da primeira etapa. O começo foi pegado, as equipes mantiveram um ponto de diferença durante boa parte do primeiro tempo, até que Leron Black desequilibrou o jogo. Na metade do segundo quarto, o americano fez seu time começar a abrir vantagem com duas bolas de três seguidas, fazendo com que o técnico Léo Figueiró pedisse tempo. No recomeço da partida, Leron seguiu fazendo suas cestas de três e o Orgulho da Nação encerrou o primeiro tempo com 13 pontos de frente ao vencer parcialmente por 43 x 30.

No segundo tempo, o Mago Argentino acordou: Franco Balbi impôs seu ritmo em pontos e construção de jogadas, sua classe lhe garantiu o prêmio de MVP da partida, além de ajudar o Mais Querido, sendo um grande diferencial para a vitória. A partida foi diferente da última entre os rivais, e aos poucos os flamenguistas mostram evolução física e de entrosamento, que apesar de não estar 100%, transparece melhora e nitidez de que o início com algumas pedras no caminho são frutos naturais de um elenco com peças novas que estão se encaixando no time de Gustavinho, como assegurou o próprio técnico ao fim da partida.

Não deixe de ler também

Fala, professor

“Com a parte física, a gente vai conseguir melhorar o rendimento defensivo e do rebote, que estamos pecando mais. Hoje já foi um pouco melhor, mas acho que conforme a gente for melhorando fisicamente, vamos conseguir um rendimento melhor. Estamos muito no começo da temporada ainda, os estrangeiros chegaram faz pouco tempo, Marquinhos ainda não voltou (da seleção), então agregando mais entrosamento dos estrangeiros e o Marquinhos, acho que seremos uma equipe bem competitiva na temporada em qualquer campeonato que a gente for disputar.”

Gustavo de Conti ainda falou sobre a G-League, torneio de pré-temporada que o FlaBasquete irá disputar no Uruguai contra equipes como o Bayern de Munique, San Lorenzo e a Seleção do Uruguai, dos dias 18 à 22 de setembro: “Os pivôs do Bayern jogam dentro, assim como do San Lorenzo. Mas sem dúvida alguma será um desafio grande pra nós. Acho que vamos crescer muito com este torneio. Não está na época da gente jogar contra esses times, mas acho que estão todos iguais, o Bayern também tá começando (a temporada), o San Lorenzo também, então será muito bom pra nós.”

Os jogos da final do Estadual tem início só depois do torneio do Uruguai, nos dias 26/09, 29/9 e 1/10 (caso necessário.)

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: