Compartilhar:

Apesar da superioridade, o time sub-20 não conseguiu reverter as chances em gol e perdeu o 100% de aproveitamento na competição

Da Redação

Jogando pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro Sub-20, o Flamengo empatou em 0 a 0 com o Vitória, nesta quarta-feira (10). A partida foi disputa no Estádio do Barradão, casa dos adversários, mas foi time da Gávea quem teve amplo domínio durante todo o confronto. Apesar da superioridade, os Garotos do Ninho não conseguiram reverter as chances em gol e voltam para o Rio de Janeiro com o primeiro empate na competição na bagagem.

Com o resultado, o Mais Querido pede a oportunidade de assumir a ponta da tabela de classificação, mas se garante na segunda colocação, com sete pontos somados, atrás do América (MG). Agora, o time comandado pelo treinador Mauricio de Souza se prepara para os confrontos contra o Fluminense, na segunda-feira (15), às 16h30, e Internacional, na quinta-feira (18), às 19h, ambos em Volta Redonda. Já nesta quinta-feira (11), o Fla volta a campo pelo jogo de volta das oitavas de final do Torneio OPG. O Rubro-negro venceu o primeiro jogo por 3 a 0 e disputará a volta com uma equipe alternativa.

O jogo

A primeira chance foi do rubro-negro carioca, logo aos três minutos, quando Yuri cobrou falta por baixo da barreira e viu a bola explodir no pé da trave direita do goleiro baiano Yuri. Aos 13 minutos, novamente Yuri arriscou de fora da área, dessa vez por cima da baliza do Vitória. No minuto seguinte, o Flamengo pressionou a saída de bola do adversário. Ela sobrou para Vitor Gabriel, que se livrou de dois marcadores e soltou uma bomba. A bola tinha a direção do gol, mas desviou na zaga e saiu em escanteio, raspando a trave de Yuri.

O Flamengo dominava amplamente o jogo, e pressionava em busca do primeiro gol. Aos 28, Bill rolou e Yuri finalizou pela terceira vez. Novamente o goleiro adversário fez a defesa. No ataque seguinte, Matheus França cruzou e a bola passou a centímetros do pé de Vitor Gabriel, que fechava livre de marcação na linha da pequena área. No último lance antes do intervalo, talvez a melhor chance. Após cruzamento de Matheus França, a zaga cortou errado e a bola sobrou à feição de Vitor Gabriel. O chute, porém, saiu muito alto.

Não deixe de ler também

O jogo não mudou no segundo tempo. Aos onze, Vitor Gabriel bateu de chapa, e a bola saiu literalmente tirando tinta da trave esquerda do gol de Yuri. Aos 21, Ramon cruzou na área e a cabeçada de Vitor Gabriel foi muito alta. Assim como o chute de Luiz Henrique, aos 23. A blitz rubro-negra no ataque não parava. Aos 42 minutos, Vitor Gabriel, Matheus Alves e Wendel tiveram seus chutes bloqueados em sequência. Na última chance, já nos acréscimos, Yuri cobrou a falta e a bola raspou o travessão da equipe baiana.

Flamengo: Hugo Souza, Matheus França, Natan, Lucas Freitas, Ramon; Vinicius Souza, Gomes (Rodrigo Muniz), Luiz Henrique (Matheus Alves); Bill (Wendel), Yuri e Vitor Gabriel. Treinador: Mauricio Souza.

Crédito da imagem destacada: Ascom/EC Vitória

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: