Compartilhar:

Yago Martins, do MRN Informação

Números chamam a atenção. Torcedores reclamam de possíveis pênaltis, que o VAR não foi chamado

O VAR é o assunto do futebol brasileiro na temporada. É a primeira vez que a ferramenta é usada no Campeonato Brasileiro, mas apenas um clube ainda não foi “beneficiado” pelo árbitro de vídeo em um quesito.

O Flamengo é o único clube que não teve um pênalti assinalado a seu favor com o auxílio da tecnologia. Para completar, a equipe rubro-negra é a que mais sofreu pênaltis com a interferência do VAR (são quatro).

Nas 23 rodadas já existentes na competição, os rubro-negros já reclamaram sobre três lances. Possíveis pênaltis sobre Filipe Luís, Bruno Henrique e Gabigol.

Filipe Luís

O lateral-esquerdo foi calçado e empurrado dentro da área por um defensor do Bahia, na Arena Fonte Nova. A partida já estava em 2 a 0 quando a possível penalidade não foi marcada. O jogo terminou 3 a 0 para os mandantes.

Bruno Henrique

O Flamengo vencia o Grêmio por 1 a 0 no Maracanã, quando Rafael Galhardo fez uma entrada violenta no atacante. O VAR não chamou e logo depois um pênalti para o Grêmio foi marcado, com a ajuda da tecnologia. No final, o Fla venceu por 2 a 1.

Gabigol

O Flamengo vencia o Cruzeiro por 1 a 0 no Mineirão, mas tentava segurar o resultado, quando Filipe Luís cruzou e o artilheiro rubro-negro foi claramente empurrado pelo zagueiro celeste. Nada foi marcado, mas o Fla confirmou a vitória.

O levantamento sobre as marcações interferidas pelo VAR foi feito pelo canal Fox Sports. Confira a lista completa.

Não deixe de ler também

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: