Compartilhar:

O impasse envolvendo a decisão do Campeonato Carioca Sub-20 está longe de ser resolvido. Inicialmente previstos para os dois últimos finais de semana, os jogos seguem com datas indefinidas. De acordo com reportagem do jornal Extra, o entrave é causado pela falta de garantia de segurança.

Por ter feito a melhor campanha na fase classificatória, o Flamengo tem o direito ao mando de campo no jogo de volta da decisão. O Estádio José Bastos Padilha, na Gávea, foi utilizado pelo Rubro-Negro em todos os jogos em que foi mandante no Estadual, tendo os Garotos do Ninho 92% de aproveitamento atuando em casa.

O Vasco, por sua vez, não pode utilizar São Januário, interditado por 180 dias pelo Ministério Público. A decisão judicial veio após a enorme confusão entre torcedores cruzmaltinos na derrota do Vasco para o Flamengo pelo Campeonato Brasileiro.

Segundo a reportagem, a Polícia Militar aponta para o risco de novos incidentes envolvendo torcedores, e por isso só daria segurança se os jogos fossem realizados sem a presença de público e não acontecessem na Gávea e São Januário.

A corporação salientou que o Estatuto do Torcedor não abrange o policiamento nas dependências internas dos estádios em jogos amadores. Com isso, a atuação da PM se restringiria aos arredores das praças esportivas, tendo os clubes e a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) a responsabilidade de garantir a segurança dentro dos estádios.

Procurada pelo Mundo Rubro Negro, a assessoria de imprensa das categorias de base do Flamengo informou que o clube vai aguardar o posicionamento da Ferj.

Enquanto aguarda a definição para os jogos finais do Carioca, o time sub-20 do Flamengo está disputando o Campeonato Brasileiro da categoria. Nesta quinta-feira (27), na Arena Barueri, o Mais Querido visita o já eliminado Corinthians, às 21h, com transmissão da ESPN.

Foto: Carlos Gregório Jr /Vasco da Gama 


O Mundo Rubro Negro precisa do seu apoio para não acabar, e melhorar ainda mais. Contribua mensalmente com nosso trabalho. Clique aqui: bit.ly/ApoiadorMRN

Compartilhar: