Compartilhar:

O técnico Abel Braga concedeu entrevista coletiva após o empate em 0 a 0 contra o Volta Redonda, na noite do último sábado (16). Na sala de imprensa do Maracanã, o treinador defendeu o lateral Rodinei das críticas sofridas durante a partida e, explicou porque o colocou de capitão do time no jogo.

”O torcedor tem suas objeções, mas entende a dedicação do Rodinei. Hoje o coloquei como capitão. É um cara que sempre trabalha mais do que 100%. Três clubes já mostraram interesse. Mas o torcedor é soberano e temos que saber conviver com a crítica. Outros jogadores também não contavam com a simpatia do clube até o ano passado, e hoje as coisas mudaram. São os casos de Pará, Renê e Arão. Hoje o torcedor entendeu a dedicação do Rodinei”.

Rodinei chegou no Flamengo no início da temporada de 2016. O jogador foi contratado junto a Ponte Preta por ser um dos destaques da equipe paulista no Brasileiro de 2015. O começo foi promissor, com o lateral rapidamente sendo titular na vaga de Pará, mas após a lesão no Brasileiro do mesmo ano contra o Corinthians, seu futebol nunca mais foi o mesmo.

Rodinei voltou a ser relacionado no final de 2016 e sofreu para recuperar a vaga de titular na equipe. Em 2017 chegou a viver bons momentos, com dois gols na Libertadores e um gol na final do Carioca, porém, não conseguiu emplacar seu futebol demonstrado no primeiro semestre de 2016.

Em 2018 o lateral sofreu críticas ferrenhas da torcida rubro-negra, que espera pela chegada de Rafinha, atualmente no Bayern de Munique e com contrato se encerrando no clube alemão.

Leia também


Você pode contribuir com o nosso projeto:

Ou
Banco do Brasil:
Agência 3652-8
Conta Corrente 43937-1

*Créditos de imagem destacada e nas redes sociais: Flamengo/Divulgação

Compartilhar: