Compartilhar:

Yago Martins, do MRN Informação

No evento da Bundesliga Experience, Rafinha contou alguns detalhes de sua história

O lateral-direito Rafinha entrou para a história do futebol. O jogador está no seleto grupo de atletas que conta com Ronaldinho, Dida, campeões da Champions League e da Libertadores.

De quebra, ainda veio um título Brasileiro, tudo isso em apenas cinco meses de Flamengo.

No início do mês de novembro, Rafinha ainda não sabia que iria confirmar tais conquistas pelo rubro-negro, mas como foi ídolo do Bayern de Munique, fez parte da campanha promocional para a Bundesliga Experience, evento que foi realizado nos dias 9 e 10, no Rio de Janeiro.

Na Alemanha, também vestiu a camisa do Schalke 04.

“Cheguei lá (Alemanha) e meu Deus… como vou falar essa língua? Não entendo nada.”, declarou o lateral, no evento.

“Um frio… era verão, cheguei e estava chovendo, com vento. Verão sem sol?”.

O jogador ainda relembrou sua infância difícil, e revela saudades de seu pai.

“Sou de uma família muito grande. Na altura, minha mãe, juntamente com meu pai, não tinha uma situação financeira muito boa. Era difícil manter todos os filhos… Eu falo na minha mãe pois foi quem segurou o rojão, conseguiu alimentar os sete. Graças a Deus, todos meus irmãos viraram pessoas do bem”.

“É uma coisa que falta muito na minha vida, meu pai. Se meu pai estivesse vivo, minha carreira seria completa.”

Rafinha figura no top 10 de estrangeiros com mais partidas pelo Bayern. Foram 266 jogos pelo clube recordista de títulos da Bundesliga. Além dos sete títulos do Campeonato Alemão, conquistou 4 Copas da Alemanha, 3 Supercopas, um Mundial de Clubes e uma Champions League.

Não deixe de ler também

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: