Compartilhar:

De Diego Alves a Jorge Jesus: Veja as análises e notas de quem atuou na importante vitória diante do Internacional

Vitória maiúscula e digna de líder do Flamengo sobre o mandante Ceará. O Castelão lotado e a bonita festa da torcida do alvinegro local, com direito a mosaico, não parou o time alternativo que Jorge Jesus colocou em campo na noite deste domingo, 25/08, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os 15 mil torcedores do Flamengo presentes como visitantes saíram extasiados com os golaços de Pablo Marí, Gabigol e Arrascaeta.

Após vencer o Internacional na última quarta-feira (21), especulou-se muito a respeito da escalação escolhida pela Comissão Técnica para este jogo. Isso porque o jogo da volta contra o Internacional é, pelas quartas de final da Libertadores, passou a ser o mais importante da temporada para o Rubro-Negro.

Os jogos que anteciparam o embate ajudaram o Flamengo a chegar no topo da tabela. O Santos, em casa e após estar vencendo por 3×0, surpreendentemente tomou o empate do Fortaleza em plena Vila Belmiro.

Em São Januário, uma forcinha do arquirrival Vasco da Gama. Em partida aguerrida e correta taticamente, o time de Vanderlei Luxemburgo bateu o badalado São Paulo de Daniel Alves. Assim, o Flamengo empata com o alvinegro praiano em pontos (33) , e assume com 17 gols de saldo contra 11 do Peixe.

Os 10 primeiros do Brasileirão

Arte: Google / Reprodução

Veja abaixo as notas e análises das atuações do time rubro-negro feitas pelos nosso grupo especial de colaboradores.

Ajude o MRN a manter este trabalho! Torne-se apoiador e faça parte da nossa comunidade! Acesse Catarse.me/mrn ou PicPay.me/mrn_crf.

Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

Diego Alves

Partida correta, fez duas boas defesas e contou com a boa intervenção do João para sair mais um jogo sem ser vazado. Nota: 7,5.

Por Willian Sian – Twitter: @willian_sian

João Lucas

Uma partida correta, segura. Tirou um gol no momento em que vencíamos de 1×0. O lance mudou o rumo do jogo. Muito bem postado sem a bola também. Saiu com câimbras, mas correu bastante durante todo o jogo. Nota: 8.

Rafinha – Entrou bem, muito tático. Defensivamente não perdeu uma jogada e deu uma assistência perfeita para um lindo gol do Arrascaeta. Nota: 6.

Por Verônica Coutinho – Twitter: @Vevecoutinho

Rodrigo Caio

Seguro e bem posicionado. É um jogador com um senso de antecipação incrível. Nota: 8.

Por Sérgio Ribeiro – Twitter: @sergioribeiro04

Pablo Marí

Mais uma grande atuação deste zagueiro seguro e que tem uma qualidade fundamental: joga sério os noventa minutos. Tem um bom passe e bom lançamento, fazendo varias inversões de jogo durante a partida. Para premiar sua atuação, ainda abriu o caminho desta boa vitória do Flamengo com um bonito gol. Nota: 9,0.

Por Ivo Junior – Twitter: @ivofsjr

Renê

Boa partida. Seguro, correto na bola aérea e deu um belo lançamento para o Gabigol. Nota: 7.

Por Willian Sian – Twitter: @willian_sian

Piris da Motta

Teve boa atuação na cobertura e proteção da defesa. Não é de ajudar muito na construção do time, mas saiu bem com a bola. Pode ser uma boa solução se Cuéllar não voltar. Nota: 6.

Por Marcio Marcondes – Twitter: @mjmarcondes

Arão

Esteve muito bem na parte defensiva. Em diversos momentos voltou para ajudar na recomposição e recuperação da posse de bola. Perdeu uma grande oportunidade em uma cabeçada na pequena área mas novamente se apresentou muito bem quando teve chance. Nota: 7.

Por Marcelo Franco – Twitter: @FrancoMarcelo

Arrascaeta

Fazia uma partida muito abaixo da média perdendo bolas bobas e falhando em passes que não costuma errar. Mas para alegria dos amantes do futebol, já no final da partida acertou uma bicicleta espetacular num belíssimo cruzamento do Rafinha. Certamente o gol mais bonito do campeonato até aqui. Palmas de pé para o uruguaio. Nota: 8.

Por Marcelo Franco – Twitter: @FrancoMarcelo

Gerson

Fez um jogo tranquilo, mesmo estando um pouco mais recuado. Nota: 6,5.

Everton Ribeiro – Entrou quando o time já estava em ritmo de treino, mas ainda conseguiu criar boas oportunidades para Arão e Bruno Henrique. Nota: 6,5.

Por Miguel Peters – Twitter: @miguelpeters

Berrío

Caindo muito pela direita, Berrío no início do primeiro tempo perdeu um gol na cara do goleiro. Foi mal nas tentativas de cruzamento. Recuperou-se dando uma assistência de peito para o Gol de Pablo Mari e outra num ótimo passe para o gol do Gabigol. Nota: 7.

Bruno Henrique – Entrou aos 25 minutos do segundo tempo para saída do Berrío. Melhorou a qualidade de passe do time do Flamengo. Perdeu um gol de frente para o goleiro cearense. Nota 5.5.

Por Antônio Rêgo – Twitter: @antoniorn_07

Gabriel Barbosa

Apesar do gol, não foi das melhores atuações do atacante. Algumas decisões equivocadas e finalizações ruins. Mas é nosso artilheiro e está sempre participando. Nota: 7.

Por Ricardo Bitencourt – Instagram: @drbitenco

Jorge Jesus

Apresentou, mais uma vez, um time sólido e capaz de aguentar a pressão inicial do adversário. Além disso, seu dedo foi visível nas jogadas ofensivas, inclusive nos dois primeiros gols. Poderia ter cobrado um pouco mais de ímpeto no segundo tempo. Nota: 8.

Por Miguel Peters – Twitter: @miguelpeters

Não deixe de ler também

O MRN depende do apoio de leitores como você para continuar fazendo uma cobertura criativa, propositiva e ética do Clube de Regatas do Flamengo. ➡ Junte-se a nós

Compartilhar: