Compartilhar:

 

Raony Furtado


 

O Flamengo entra em campo nesse domingo para enfrentar o São Paulo e a si mesmo nessa terceira rodada do Brasileirão. Vindo de revés para o Internacional, com direito a Lei do Ex e uma coletiva desastrosa do rejeitado técnico Abel Braga, a situação não é nada confortável por diversos fatores. Vamos, mais uma vez, contar uma por uma. Desta vez, não temos tantas coisas boas a falar.

 

Escalação

Tendo um jogo muito importante pela Libertadores marcado para a próxima quarta, dia 08 de maio, contra o Peñarol no Uruguai, o time que entra em campo estará recheado de reservas. Provavelmente no Morumbi vejamos César, Rodinei, Thuler, Dantas ou Hugo Moura, e Miguel Trauco; Piris, Ronaldo e Diego; Berrío, retornando após longo período para tratar de mais uma lesão muscular, Arrascaeta ou Lucas Silva e Lincoln. Além desse time bem desfalcado, o banco ainda sofre com a ausência de Vitinho, Uribe, Rodrigo Caio, Rhodolfo e Diego Alves, que estão sem condições de entrar em campo e os poupados.

 

Histórico do confronto

O retrospecto é ruim para o Flamengo no Brasileirão Unificado. Foram 63 jogos, com 19 Vitórias do Fla, 25 deles e 19 empates. Em 2018, a derrocada começou justamente com uma derrota em pleno Maracanã no primeiro jogo pós Copa do Mundo e sem Vinícius Jr. Nesse dia, a Lei do Ex mais uma vez entrou e campo e Everton Cardoso foi o autor do gol da vitória dos paulistas por um tento a zero.

Leia também:
Corretor que ajudou na vinda de Gabigol, posta foto ao lado de Rafinha na Alemanha
Um dos destaques do Bangu no Carioca, lateral João Lucas está próximo do Flamengo
Um dos destaques do Bangu no Carioca, lateral João Lucas está próximo do Flamengo
Escolhido contra o São Paulo, ‘time B’ do Flamengo não venceu nenhum jogo em 2019

 

Momento conturbado

Além da preocupante situação na Libertadores, o Flamengo também sofre com seu momento ruim no geral. O time é visivelmente dependente da individualidade dos jogadores, não há absolutamente nada ensaiado, pouca ou quase nenhuma definição tática o que acaba diminuindo o rendimento dos jogadores, até mesmo os mais habilidosos do elenco, como Everton Ribeiro e De Arrascaeta. Peças que terminaram o ano em grande fase como Renê e Diego, agora repetem atuações entre medianas e ruins com destaques isolados nos jogos. Até o incontestável volante Colombiano Gustavo Cuéllar já dá sinais que está próximo do seu limite e o time sem sentido isso.

 

Repetição de erros

Um dos maiores questionamentos em relação à gestão anterior era quanto a forma de conduzir o futebol no que diz respeito à detecção e correção de erros. Estamos mais uma vez “entre a cruz e a espada” e nenhuma decisão realmente significativa foi tomada diante disso. Vendo a proximidade com o confronto mais importante do ano até aqui, parece ser tarde para mudar algo e ir como está é o menos ruim.

Mesmo diante de um cenário de pouca positividade, que acaba por diminuir a fé do torcedor que o time possa vencer nesse domingo, há pontos que podemos nos apegar para acreditar que vencer, ou mesmo empatar contra o São Paulo é possível e até mesmo provável. O adversário também tem desfalques importantes, podendo ter até seis peças do time titular fora. Embora tenha vencido nas duas rodadas anteriores, não apresenta um futebol dos mais envolventes e comete erros também.

Resultado de imagem para abel flamengo

Um fato, no mínimo, curioso. Em 2018 tivemos resultados importantes com jogadores jovens na defesa. Contra o Atlético- MG no Horto e Palmeiras na Allianz Arena, Matheus Thuler e Léo Duarte formaram a dupla de zaga, sendo que o mais jovem até marcou de cabeça contra o alviverde paulista o seu primeiro gol como profissional. Agora é a vez dele ser o experiente e jogar ao lado de um outro Matheus, o Dantas. Se o time não é muito bem preparado taticamente, a mística pode nos valer.

Vai nos comentários e fala o que você acha que vai rolar. O Matuto curte ser contrariado, mas com respeito, rs.

 

Saudações Rubro-Negra!

 

Siga no Twitter: Raony Furtado

 

 


Você pode contribuir com o nosso projeto:

Via Paypal:

 

 

Via Transferência Bancária:

Banco do Brasil:
Agência 3652-8
Conta Corrente 43937-1

 

 

 

Compartilhar: