Após o Flamengo garantir mais 3 pontos no Campeonato Brasileiro sobre o Vitória, com o placar de 1×0, Zé Ricardo declarou que sabe que as duas partidas (contra a Ponte Preta e Vitória) não foram um primor de técnica e organização ofensiva mas que o time pode melhorar e conseguiu respostas vindas de treino, como construção de jogadas e marcação forte. “Acho que hoje fomos melhores no primeiro tempo do que no segundo. Chegar ao G4 nas cinco primeiras rodadas sem dúvida é motivo de muito orgulho pra nós. O campeonato está só no início, mas ficar bem próximo do G-4 nas rodadas seguintes nos dará confiança e, quem sabe mais para frente, conseguimos dar um sprint. É bom ficar sempre perto do G-4 para não sofrer pressão.” disse.

O técnico interino afirma que está feliz pelo momento que a equipe está passando e sabia que só sairiam da dificuldade quando começassem a vencer. Para Zé, a torcida é muito forte e ajuda muito o time. “Queremos trazer a torcida novamente. Recebo o carinho e fico feliz com esse apoio. Gostaria que os jogadores também tivessem esse apoio, porque com a força da torcida temos tudo para sermos mais fortes. Ela precisa apoiar esses rapazes. Com a pressão vou ter que saber lidar mas outros resultados podem acontecer e, na adversidade, a torcida cobra. Tem que ter equilíbrio para lidar”.

Já Vizeu, o autor do único gol da partida, afirma que chegou ao Fla por causa técnico: “Ele (Zé) conversa muito comigo. Foi o professor que me trouxe e para mim é muito importante. Temos uma certa afinidade, isso é muito legal para mim e para ele”. Além da declaração sobre Zé Ricardo, o atacante garante que é muito útil para a equipe e que sabe que tem que estar no momento e hora certos para fazer os gols. Mas, ainda que confiante, Felipe mantém os pés no chão: “Sei que sou garoto, apenas começando, mas o elenco está todo todo de parabéns. Como subi antes, estou mais à vontade com todos. E desde que cheguei o grupo todo me abraçou. E tudo vem acontecendo naturalmente, fruto do nosso trabalho. Estou colhendo o que sempre plantei lá atrás”.

“Os próximos dias são de trabalho e descanso. Temos pouco tempo e os atletas estão desgastados. Ainda não temos ideia do que colocar em campo, mas serão jogadores que estão 100%”, afirmou Zé Ricardo. O próximo confronto do Fla é neste domingo (5), contra o Palmeira, às 16h no Mané Garrincha, com mando de campo rubro-negro.