Após uma sequência de 3 empates no Maracanã, o Flamengo conseguiu sair com os 3 pontos, com um grande jogo contra a equipe santista na tarde deste domingo (27). Com o jogo bem movimentado por ambos os lados, o rubro-negro convenceu com uma vitória por 2 a 0 diante do Santos. Ao final do jogo, o técnico Zé Ricardo deu sua coletiva de imprensa, elogiando a torcida e a postura do time em campo.

O treinador revelou que a estratégia pro jogo funcionou bem diante da grande qualidade do adversário.

O Santos tem jogadores rápidos, futebol envolvente. Fizemos uma estratégia diferente, e começamos a pressionar no início do jogo. Depois baixamos a nossa linha, porque, com todo o desgaste da temporada e o calor do primeiro tempo, haveria risco de jogar da forma que gostamos, que é propondo o jogo. Por todas as dificuldades, sofremos um risco calculado, por toda a qualidade do Santos que já citei. A estratégia funcionou. Nossa torcida merecia (a vitória). Queria agradecer muito pelo empenho que tiveram hoje, pelo apoio durante todo o segundo tempo. Até quando o Santos pressionou, eles apoiaram “, disse Zé Ricardo.

Outro assusto abordado foi o cartão amarelo do meia Diego, que fica fora do último jogo da temporada: “Não tem puxão de orelha. É um atleta experiente, dedicado para caramba. Extravasou sua alegria. Sabe que correu risco, mas sobre a norma e a lei, eu não discuto. Eu cumpro. Se era para tomar amarelo, tomou. Foi mais por extravasar toda a alegria e pressão

Ainda deu tempo de comentar sobre a vaga direta pra Libertadores: “Ir direto para a Libertadores foi muito importante para o planejamento. Começar a pré em fevereiro é totalmente diferente do que começar nos grupos em abril. Estamos muito felizes de alcançar esse objetivo“.


Na próxima rodada, o Mengão vai a Arena da Baixada para o jogo contra o Atlético-PR, no domingo (4), pela última rodada do Campeonato Brasileiro, com o resultado dessa rodada o Flamengo chegou a 70 pontos, seu recorde desde o início dos pontos corridos, o recorde anterior era do ano do Hexa, 2009, com 67 pontos.

*Foto: Gilvan de Souza/Flamengo