O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro decidiu hoje que vai arrestar (reter) os recursos obtidos pela Odebrecht com a venda da concessão do Maracanã, ora em negociação com a Lagardère e o consórcio composto por GL Events e CSM. O tribunal decidiu também recomendar que o governo do Estado anule o contrato de concessão à Odebrecht e promova uma nova licitação do estádio. O TCE determinou ainda a abertura de duas auditorias extraordinárias: uma para inspecionar os cálculos que embasaram a concessão do estádio, em 2013, e outra para monitorar a operação de transferência do estado.



O Ministério Público investiga o pagamento de propina na concessão do Maracanã, tanto pela Odebrecht quanto pela IMX, do empresário Eike Batista, que depois acabou revendendo à empreiteira sua participação no consórcio. Uma das denúncias investigadas, inclusive, é de propina ao próprio TCE para aprovar a concessão.

Em entrevista ao Lance!, o presidente Eduardo Bandeira de Mello comemorou a decisão do Tribunal de Contas, que na prática suspende as negociações para transferência da concessão:

– Isso levaria obrigatoriamente à realização de uma nova licitação, o que o Flamengo sempre defendeu. Você parte do zero com muito mais segurança jurídica, possibilidade de corrigir erros do contrato anterior, partindo para uma coisa nova, da qual os clubes possam participar. O Flamengo, em qualquer situação, tem que ser considerado protagonista, responsável por 70%, 80% do conteúdo do estádio. Em uma nova licitação, os clubes vão poder participar de uma maneira mais direta.

O governo do Estado e a Odebrecht ainda não se pronunciaram sobre a decisão do TCE.

O Flamengo volta a jogar no Maracanã amanhã pela primeira vez desde novembro. Em meio a um jogo de empurra entre o Comitê Rio 2016 e a Odebrecht, o estádio vivia uma situação de abandono. O Flamengo investiu cerca de R$ 2 milhões para colocar o Maracanã em condições de receber a estreia da equipe na Libertadores.

 
 
O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN


Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.


Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!