Em um mês sem futebol, muita coisa mudou para o Flamengo. E mutia coisa continuou na mesma. O MRN faz um balanço para você que decidiu tirar férias do noticiário rubro-negro junto com os jogadores e está voltando hoje, dia da reapresentação para a pré-temporada.


O que mudou

Novo CT

ferias-1

Talvez a mudança mais impactante nessas férias seja a que aconteceu logo dois dias após o último jogo – a inauguração, após uma longa espera de mais de três décadas, do módulo profissional do Ninho do Urubu. Os tempos de penúria passaram, e o Flamengo oferece agora aos seus jogadores o que de mais moderno existe em termos de estrutura. Como disse o Zico na inauguração, o Flamengo agora tem tudo.


Flamengo tira atraso de décadas com inauguração do Ninho do Urubu

Ninho do Urubu: uma saga de 32 anos chega ao fim

Novo estádio

ilha-projeto-1

Enquanto a situação do Maracanã continua num “chove não molha”, o Flamengo não ficou parado esperando as autoridades se decidirem. Para evitar mais uma temporada na estrada, o clube fechou contrato de aluguel por três anos com a Portuguesa e está reformando o estádio da Ilha para poder mandar a maioria das suas partidas no Rio. Serão 7 milhões pagos pelo aluguel e 12 milhões na reforma, conduzida pela mesma empresa que montou a arena de vôlei de praia na próxima Olimpíada. O minicaldeirão incluirá a arquibancada mais próxima do campo no Brasil, e deve estar pronto para a estreia na Libertadores, no dia 8 de março.

Arena da Ilha deve estar pronta até fevereiro, diz Portuguesa; Flamengo fala em 60 dias

Outdoor e placar devem fechar espaço entre arquibancadas na Ilha

Novos jogadores

conca-aeroporto

Não chegou muita gente, é verdade, mas um deles é um reforço de grife e velho sonho de consumo do Flamengo: recuperando-se de uma grave lesão no joelho, o meia Darío Conca, quem diria, veio atraído pela estrutura do Ninho. A previsão mais otimista é que ele possa estrear em abril – e ele só irá receber salários do clube quando puder jogar. O outro reforço já confirmado é uma aposta interessante: o peruano Miguel Trauco, que chegou à seleção do seu país como lateral-esquerdo, mas foi eleito melhor jogador do país na temporada terminando o ano como volante. Os dois reforços vieram de graça: Conca por empréstimo com o clube chinês Shanghai SIPG pagando a maior parcela do seu salário e Trauco como agente livre após o fim do contrato com o Universitario de Lima.

Conca é o segundo reforço do Flamengo para 2017

Nossos blogueiros escalam Conca

Torcedores recebem Conca no aeroporto

Reforço do Flamengo é escolhido como melhor jogador do Peruano 2016

Novo esquema

ze-ricardo

A chegada de Conca fez que o técnico Zé Ricardo já fale em abandonar o seu esquema preferido no Brasileiro, com dois pontas com obrigações ofensivas e defensivas, dois volantes, um meia e um centroavante. O técnico afirmou que pensa usar a “árvore de Natal”, com três volantes, dois meias e um atacante, e nenhum ponta. O esquema deve ser testado no Campeonato Carioca e na Primeira Liga, apesar de Conca ainda não estar disponível.

Encaixe de Conca é desafio e solução para Zé Ricardo

Novos contratos

ferias-2

Após um excelente Campeonato Brasileiro, Willian Arão, que ganhou a Bola de Prata como melhor da sua posição, e Alex Muralha, que chegou à seleção brasileira, tiveram seus contratos estendidos. Quem renovou por um ano, apesar de toda a contestação da torcida, foi o volante Márcio Araújo – mas o técnico Zé Ricardo não garantiu sua titularidade para esse ano.

Muralha e Arão passam a ter contratos mais longos do elenco

Desempenho em 2017 vai decidir se Márcio Araújo continua no time, diz Zé Ricardo

Novos patrocínios

carabao-flamengo

O Departamento de Marketing deve ser o setor do clube que mais trabalhou nessa virada de ano. A equipe liderada pelo vice-presidente Daniel Orlean – que deu uma bela e longa entrevista ao MRN – fechou três novos contratos de patrocínio, sendo um deles impressionante pela duração e valor envolvidos. A Carabao, empresa tailandesa de energéticos, vai pagar mais de R$ 200 milhões para ter sua marca estampada na camisa do clube pelas próximas seis temporadas – inicialmente na manga, e a partir de 2018 no peito, como patrocinadora master. A Uber veio patrocinar os uniformes de treino, o que gerou polêmica com taxistas. A base pela primeira vez terá seu patrocinador exclusivo: a rede dentária Orthopride. Também foi renovado o patrocínio da Yes. Já são quase R$ 30 milhões em novos patrocínios na temporada, e ainda deve ser renovado com aumento o patrocínio master da Caixa.

Conheça a Carabao, que vai injetar R$ 200 mi no Fla

Uber patrocinará clube por 45 dias

Orlean destaca “valor intangível” de prevenção de lesões em contrato com a Orthopride

Novos adversários

san-lorenzo-papa

No dia 21 de dezembro, o Flamengo conheceu dois dos seus três adversários no grupo 4 da Libertadores: o San Lorenzo, da Argentina, campeão da competição em 2014, e a Universidad Católica, do Chile, que vem da melhor temporada de sua história. Apesar disso, quem ficou assustado em ter o Flamengo no grupo foram os torcedores argentinos e chilenos. O terceiro adversário ainda será definido nas fases preliminares, mas há uma possibilidade de que seja o Atlético-PR. O Flamengo estreia em casa, no dia 8 de março, contra o San Lorenzo.

Bandeira sobre grupo na Libertadores: “É difícil para nós, mas para eles também”

Raio-X: San Lorenzo, o “time do Papa”

Raio-X: Universidad Católica

Torcedores de adversários lamentam Flamengo no grupo

Novas promessas

vinicius-sao-caetano

Enquanto a geração campeã da última Copinha ainda aguarda um lugar ao sol – e o técnico Zé Ricardo e os dirigentes falam em dar mais oportunidades nesse ano – a Copa RS, no fim do ano passado, e a Copinha, em andamento, já chamam a atenção dos torcedores para dois jogadores de 16 anos: o centroavante Lincoln e, principalmente, o atacante Vinicius Júnior. O comentarista Paulo Vinicius Coelho já falou que o Flamengo inclusive estuda aproveitar Vinicius no time profissional já esse ano.

Aposta na Copinha, Lincoln assina esta semana seu primeiro contrato

Vinícius Júnior encanta na estreia da Copinha

O que não mudou

Titulares mantidos

ferias-3

Numa situação rara para o futebol brasileiro, o Flamengo não perdeu nenhum jogador do time titular que terminou o ano. Só quem saiu até agora foram o lateral-esquerdo Chiquinho, o meia Alan Patrick e o atacante Emerson Sheik – esse, chutando o balde na saída. O atacante Fernandinho, por enquanto, voltou para o Grêmio, mas o Flamengo ainda não desistiu de tentar um novo empréstimo. Quem quer sair é Marcelo Cirino, mas até agora não houve acordo com o Internacional.

De saída, Sheik expõe mágoa com Zé Ricardo

Sem acordo, Fernandinho deve voltar ao Grêmio

Fla tenta transferir Cirino – e dívida – para o Inter

Sem atacante nem volante

romulo-spartak-640x400

Apesar de a diretoria novamente dizer que gostaria de ter o time fechado para o início da pré-temporada, até agora só foram contratados 2 dos estimados 4 reforços pontuais. O acerto com o volante Romulo está bem encaminhado, mas ele ainda negocia a liberação com o Spartak Moscou. Já a situação do atacante é mais complicada: após uma longa novela pelo atacante Marinho, que acabou escolhendo a China, um interesse frustrado por Vitinho, apesar do ex-jogador do Botafogo fazer juras de amor ao Flamengo, e um flerte que não avançou muito com o paraguaio Cecilio Domínguez, a bola da vez é o colombiano Orlando Berrío, campeão da Libertadores pelo Atlético Nacional. O vice de futebol Flávio Godinho avisou, porém, que o negócio ainda pode demorar para ser fechado.

Godinho sobre Romulo: “Bola está com os russos”

Fla mira campeão da Libertadores, mas diz não ter pressa por atacante

Maracanã no limbo

maracana-cbn

O maior palco do futebol brasileiro e casa preferencial do Flamengo começa o ano num estado de lamentável abandono, sendo alvo de saques e com seu destino indefinido. O governador Luiz Fernando Pezão criou uma comissão para dar sinal verde à transferência da concessão, mas o prazo acabou faz tempo e nada de decisão. O Flamengo defende a licitação, mas já se acertou com um dos consórcios que pleiteiam assumir a concessão. Com o outro, literalmente, não tem jogo. O novo prefeito Marcelo Crivella acenou com a saída de municipalizar o estádio, mas foi prontamente rejeitado pelo governador, que prometeu uma solução ainda para este mês. Enquanto isso, delações e investigações elevam as suspeitas de ilegalidades na concessão original do estádio, o que pode acabar melando o processo inteiro. Não à toa, o Flamengo já busca alternativas e está negociando com um terreno para a construção do sonhado estádio próprio.

“Sem dono”, Maracanã vira estádio-fantasma

Artimanhas da Ferj

roubinho

A federação do Rio continua empenhada em puxar o tapete do Flamengo. Apesar de uma decisão judicial favorecendo o Flamengo, manteve no regulamento do Campeonato Carioca a exclusividade de exploração das placas publicitárias. E como o clube ainda não assinou com a Globo, incluiu no mesmo regulamento uma cláusula que prevê que o Flamengo pode ser multado em R$ 5 milhões se jogar a Primeira Liga sem autorização. A federação convocou para semana que vem uma reunião sobre o Maracanã que não deve atender os interesses do Flamengo, já que a Ferj apoia o consórcio ao qual o Flamengo se opõe na negociação de transferência da concessão. Num novo desdobramento, a Justiça enfim recebeu a denúncia do Flamengo contra a Ferj exigindo transparência na prestação de contas dos empréstimos da entidade a filiados.

Ferj ignora liminar pró-Flamengo e mantém exclusividade sobre placas

Regulamento permite à Ferj multar Fla em R$ 5 mi por Primeira Liga

Em Nota Oficial, Ferj diz que não há ameaça no Regulamento do Carioca

Ferj será citada pela Justiça do Rio em processo por transparência movido pelo Flamengo

Ação expõe interesse nulo de anunciantes em Carioca sem Flamengo

Sem TV

carioca

O Flamengo mantém as exigências e continua sem assinar com a Globo para a transmissão do Carioca. Nessa situação, nenhum jogo do clube será exibido. Desesperados com a redução das cotas, os clubes pequenos lançaram uma ofensiva contra o Flamengo, se queixando do egoísmo do clube. Por ora, nada indica que o cenário irá mudar até a estreia no Carioca, no próximo dia 19.

Flamengo mantém demandas para assinar com a Globo no Carioca

Pequenos cariocas pressionam Fla a assinar com a Globo

Ação expõe interesse nulo de anunciantes em Carioca sem Flamengo

Começo de ano viajando

arena-das-dunas

Se o clube concluiu que as viagens ao longo da temporada passada acabaram cobrando um preço no fim da temporada e buscou uma alternativa para poder jogar no Rio mesmo sem o Maracanã, pelo menos no início do ano, enquanto o estádio da Ilha não fica pronto, a rotina vai lembrar a de 2016. A estreia no Carioca, deve ser em Natal, faltando apenas o aval da Ferj; já o jogo inaugural da Primeira Liga deve ser em Brasília.

Fla espera aval da Ferj para poder estrear no Carioca em Natal
 
 
O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN

Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.


Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!