Com a indefinição sobre o Maracanã e a possibilidade crescente de que o estádio viesse parar na mão da Lagardère, empresa com a qual o Flamengo se recusa a ter opções comerciais, o Flamengo intensificou nos últimos meses a busca por um estádio próprio, em várias frentes. Relembre o que está em andamento — ao menos o que já foi noticiado pela empresa e confirmado por dirigentes.


ILHA

O Flamengo fechou contrato de aluguel por três anos, renovável por mais três, do estádio da Portuguesa na Ilha do Governador. Sem Maracanã, o estádio pode se tornar o palco de todos os jogos do Flamengo até a conclusão da casa própria. O Flamengo irá pagar R$ 7 milhões pelo aluguel nos próximos três anos e está investindo cerca de R$ 12 milhões na reforma.

GÁVEA

Em novembro do ano passado, o Flamengo apresentou à prefeitura um projeto arquitetônico para que seja realizado um estudo de viabilidade para a reforma do estádio da Gávea, ampliando sua capacidade para cerca de 20 mil pessoas. A diretoria estima que, se aprovado, o projeto custaria cerca de R$ 300 milhões e que o Flamengo teria meios de buscar o financiamento no mercado. O Flamengo, porém, trabalha o projeto desse estádio como complementar ao Maracanã ou a um estádio maior. Se tiver que partir para a construção de outra arena, o projeto de reforma da Gávea deve ser adiado.

BARRA DA TIJUCA

O Flamengo recebeu no fim do ano passado duas propostas de trocas do prédio do Morro da Viúva por terrenos na Zona Oeste para a construção do estádio. Em novembro, dirigentes sobrevoaram os terrenos. Em janeiro, o vice-presidente de Patrimônio, Alexandre Wrobel, confirmou que o Flamengo está discutindo a possível aquisição de um terreno de 120 mil metros quadrados na Barra da Tijuca. O local exato não foi revelado.

NITERÓI

No mês passado, o presidente Eduardo Bandeira de Mello se reuniu com o prefeito de Niterói para discutir a possibilidade de construção de um estádio no Caminho Niemeyer, próximo às barcas e à Ponte Rio-Niterói.

PEDRA DE GUARATIBA

O ex-candidato à Presidência do Flamengo Mauricio Rodrigues firmou acordo com um grupo de empresários que estariam interessados em construir o estádio do Flamengo em um terreno em Pedra de Guaratiba. A diretoria, porém, acredita que há opções melhores para localização do futuro estádio e não avançou no acordo.

O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN


Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.


Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!