Já soltei um texto falando sobre como a empresa pode aproveitar o patrocínio a times de futebol indo além do nome na camisa. Mas a reação da torcida também é importante para o patrocinador.



Quando vou falar desse assunto, uso sempre uma pesquisa que aponta a torcida do Flamengo como a mais fiel aos patrocinadores do clube. 32% dos rubro negros entrevistados disseram valorizar as marcas que patrocinam o Flamengo. Em segundo ficou o Corinthians (11%), logo depois Vasco (8%), São Paulo (7%) e Palmeiras (5%).Sem dúvida isso deve pesar bastante quando uma empresa escolhe um time para patrocinar.

Se alguém não quiser acreditar em pesquisa, não tem problema. Em 2016, o iFood assinou com o Flamengo por 12 rodadas. E depois acabou renovando o patrocínio. Fizeram um “test drive” e o resultado deve ter sido tão positivo que quiseram continuar. Isso analisando os próprios números deles de retorno do investimento. Não é pesquisa nem achismo, são análises em cima de resultados.

Uma outra demonstração bem clara de apoio a patrocinadores foi o que aconteceu com a Carabao. Noticiaram que o Flamengo ia fechar contrato de patrocínio com eles e, imediatamente, a FlaTT começou a seguir o perfil deles (do Reino Unido, que era o que tinha) no Twitter. Nem teve a votação no conselho pra oficializar. E a torcida já foi com tudo pra cima. Quando eu olhei, o perfil tinha pouco mais de 6 mil seguidores (me disseram que tinha menos de 4 mil quando foi anunciado o patrocínio). Horas depois já tinha passado dos 10 mil.

Eu fiz um comentário voltado pra FlaTT comentando isso. Mas não expliquei muito bem. Só quem tava no assunto entendia.

crf-etc

Acabou chegando na PalmeirasTT e recebi centenas de mensagens “simpáticas”. Mas até aí era esperado. O que me surpreendeu foi ter recebido várias mensagens como essas:

crf-etc

Os caras não entendem que até um crescimento expressivo de seguidores, em rede social, é um indicador de bom resultado de um patrocínio. São milhares de pessoas que estão voluntariamente querendo receber novas informações da empresa. Quem vive de mecenato não entende que o engajamento é importante.

Mas também tive uma surpresa bem positiva. A FlaTT, que adora uma confusão, entrou no meio das replys e mostrou que boa parte tem noção da importância de mostrar apoio ao novo patrocinador. Foi tanta gente seguindo a Carabao UK, que eles fizeram um perfil brasileiro às pressas. Que ganhou milhares de seguidores em poucas horas.

carabao

O engajamento da torcida do Flamengo, nas redes sociais, é tão grande que já teve até patrocínio de escalação no Twitter, Facebook e Instagram. E a Orthopride, que patrocina a base, também expôs a marca na escalação do time da Copinha.

Muitos Palmeirenses também citaram que título é a melhor exposição. O que não é bem verdade. Não adianta ter exposição e não dar resultados.

Além disso, exposição por um título pode não ser tão grande quanto do time mais popular do país, que teve uma exposição de R$ 1,6bi em 2015. Claro que um título ajuda na exposição da marca dos patrocinadores, mas não é a solução para tudo. Até o cheirinho de hepta rendeu mídia espontânea pro Flamengo.

Além disso, o público que consome o Flamengo é muito bem dividido entre os sexos e classes sociais.

Não é todo time que consegue expor marca, de quem nem foi aprovado pelo conselho, em época sem jogo, na capa de jornal.

jornalcarabao

Até a Leila Pereira, da Crefisa, sabe que o Flamengo dá mais exposição.

Além de ter uma torcida que valoriza os patrocinadores, o Flamengo é o único clube realmente nacional. Com torcida grande em todos os estados. Nada melhor para uma marca que planeja entrar forte no mercado brasileiro que o time com maior alcance no país.

Quando perguntarem de onde vem o dinheiro, lembrem que vem da Tailândia. E de vários outros patrocinadores. Daqui a pouco o Flamengo vai precisar jogar de manga longa para caber mais patrocínio.

Sem mecenas.

Pela força da torcida nacional e do clube. Junto de um time forte e competitivo, com ídolos, que está na Libertadores.
 
 
Luiz Filipe Carneiro Machado é publicitário e titular do blog CRF & ETC.
Twitter: @luizfilipecm

 
Deixe seu comentário!


Este texto faz parte da plataforma de opinião MRN Blogs, portanto o conteúdo acima é de responsabilidade expressa de seu autor, assim como o uso de fontes e imagens de terceiros. O Mundo Rubro Negro respeita todas as opiniões contrárias. Nossa ideia é sempre promover o fórum sadio de ideias. Email: [email protected].

Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN


Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!