Na tarde deste sábado (10), Flamengo e Botafogo duelaram pela semifinal da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. Com uma precisão acima da média na competição e imensa superioridade, o rubro-negro teve contra o rival a sua vitória mais fácil na temporada.

O 4-1-4-1 montado por Carpegiani tem evoluído a cada jogo. A flutuação dos meias possibilita uma interação imensa no setor, várias triangulações e mais oportunidades de gol. Além disso, a ocupação de espaços, citada pelo treinador como fator chave para um meio-campo somente com um jogador de marcação, tem amadurecido e melhorado semana pós semana.

Contra o Botafogo o meio-campo vermelho e preto venceu o jogo. Ofensivamente criou bastante, ditou um ritmo frenético com passes curtos e rápidos. Defensivamente impediu o Botafogo de criar e o obrigou a forçar 14 cruzamentos, todos errados.

Éverton de cabeça, Henrique Dourado após linda jogada e Vinícius Júnior com um chutaço garantiram uma vitória com ares de crueldade que, contra o Botafogo, não acontecia desde o 4 a 0 na semifinal da Copa do Brasil.

Maior precisão rubro-negra

Além dos méritos táticos, o Flamengo teve precisão acima da média dos últimos cinco jogos.

Foram 388 passes certos, mais de 30 passes em comparação com a média da equipe no torneio, e 93% de precisão (1% a mais que a média). O alto número de passes completos, somados à forte movimentação que consequentemente abriu mais espaços, permitiu ao Fla dar 15 passes pra finalização (a média do clube no Carioca é de 10 neste quesito). Tantas oportunidades criadas fez com que o rubro-negro finalizasse 18 vezes (maior número até então no torneio), acertando 8 destas (maior número de finalizações certas no estadual).

Mais um fator chave foi o número de cruzamentos certos por parte do Mais Querido no jogo, fundamento muito criticado nas últimas temporadas. Foram 12 certos na partida (média de 5 certos por jogo no campeonato), e destes, oito grandes chances surgiram de bolas cruzadas, duas destas acabando em gol: o cruzamento de Diego para o gol de Éverton, e novamente o Diego para o Paquetá, que só ajeitou para o “CeiFlador” marcar.

A melhor defesa é o ataque

Kieza, após bater Réver – sentindo mal e vomitando pós-gol sofrido – na corrida, foi o primeiro atleta a balançar as redes rubro-negras na temporada. Ainda assim, foi a partida mais segura defensivamente, com o menor número de finalizações sofridas (4) e de passes pra finalização de uma equipe contra o Flamengo (3).

Com maior domínio na parte ofensiva do campo, há outros números interessantes a serem analisados:

  • Segundo menor número de bolas rebatidas pelo Flamengo no campeonato (22);
  • Segundo jogo com menor número de faltas cometidas pelo Flamengo no campeonato (15);
  • Terceira maior posse de bola do Flamengo no campeonato (57,5%);
  • Menor número de desarmes do Flamengo no campeonato (15).

O Flamengo agora enfrentará o Boa Vista, no próximo domingo (18), pela final da Taça Guanabara. A equipe segue melhorando visando a estreia na Libertadores contra o fortíssimo River Plate.

*Créditos da imagem destacada: Gilvan de Souza/Flamengo


Seja APOIADOR do Mundo Rubro Negro. Sua contribuição é toda destinada à equipe MRN Informação de jornalismo. 🔗

::NOVA CAMPANHA::

OBJETIVO: R$ 3.000 PARA O ALUGUEL DA NOSSA REDAÇÃO*
ATUAL: R$ 711

📌 R$ 5/mês
– Nome no quadro de agradecimentos fixado na página principal do site.
📌 R$ 10/mês
– Nome no quadro de agradecimentos fixado na página principal do site;
– Participação no grupo exclusivo de Whatsapp do MRN, que conta com a presença de outros apoiadores, nossos blogueiros e colaboradores.
📌 R$ 20/mês
– Nome no quadro de agradecimentos fixado na página principal do site;
– Participação no grupo exclusivo de Whatsapp do MRN, que conta com a presença de outros apoiadores, nossos blogueiros e colaboradores;
– Publicar textos no blog Cultura Rubro-Negra.
📌 R$ 50/mês
– Nome no quadro de agradecimentos fixado na página principal do site;
– Participação no grupo exclusivo de Whatsapp do MRN, que conta com a presença de outros apoiadores, nossos blogueiros e colaboradores;
– Publicar textos em um blog exclusivo, concebido pelo próprio apoiador;
– Participar de reuniões pautas online e offline com a equipe MRN Informação.
📌 R$ 200/mês*
– O apoiador pode anunciar sua empresa, produto ou serviço. Antes de aderir a esta modalidade de apoio, entre em contato com o nosso marketing. *À combinar

Acesse apoia.se/mrn ou entre contato diretamente pelo nosso email ([email protected]) ou Whatsapp: 21 99419-6540.