Gerrinson R. de Andrade | Twitter: @GerriRodrian

 

 

O Rebaixamento é um tabu.
Coisa de deixar o sujeito neurótico, de fritar os miolos.

Quem caiu sabe do tombo que levou, da bunda rocha. Sabe da vergonha que sentiu de si.

E, na necessidade humana de conviver eternamente com o fracasso, dissimula, alivia, encontra justificativas, envolve o destino, envolve um deus, faz o que pode para convencer a todos e a si que teve mesmo foi sorte.

Quando um torcedor do time A – jamais rebaixado – está em reunião com torcedores dos times B, C e D, constantemente rebaixados, o ‘Rebaixamento’ deixa de ser tabu para se tornar ‘Solução’.

O torcedor do time B diz que foi a melhor coisa que aconteceu ao seu time.
Declara que não é humilhação nenhuma, que é saudável, normal.


“Na B se ganha mais dinheiro!”

O torcedor do Time C apresenta dados, cita os exemplos, minuciosamente escolhidos, para justificar a benesse do rebaixamento.

“Revelamos aquele lateral!”

O torcedor do time D insinua que o time A, o jamais rebaixado, alguma precisão tem de se rebaixar, que esta é marca de afortunados, de reconstruídos.

“Para limpar a diretoria, só indo pra B!”

Os torcedores do times já rebaixados juntos dizem: “Rebaixar é bom!”.

Inventam teorias que dizem que o desonesto foi quem não caiu.
Profetizam, com boca cheia d’água, que o time A ainda vai cair: “todos cairão!”.

O torcedor do time A ainda pode usar de uma ou outra ironia.
Mas o escárnio parece perder a graça.

O jamais rebaixado vê o profundo de muitas lágrimas nos olhos dos rebaixados, vê o rancor em cada palavra e a corcunda nas costas, o passo eternamente inseguro.

A piada parece perder o sentido, parece crueldade de prepotente, de pessoa ruim, como um jovem bilionário zombando de velho pobre e doente.

Mas aí é que mora a filosofia: só parece.

  1. Todo rebaixado sabe o que fez por merecer.
  2. Todo rebaixado merece um novo rebaixamento.
  3. Todo rebaixado se torna rasteiro, assim que rebaixado.

Em terra de rebaixados, Flamengo só passeia de balão.

 

Orra, é Mengo!

Comente pelo Twitter @MRN_CRF ou direto na fanpage do MRN no Facebook (clique aqui). Sua opinião faz toda diferença!


Gerrinson R. de Andrade escreve no Blog Orra, é Mengo, da Plataforma MRN Blogs. A opinião do autor não reflete necessariamente a opinião do Mundo Rubro Negro.

 

LEIA TAMBÉM DO ORRA, É MENGO!

Cheiro de torresmo torrado

O Flamengo vai ensinar o mundo

A casa do horror: a mulher que odiava o programa de sócio-torcedor

Flamengo, o titã Atlas da bagaca toda

A fábula do menino que xingava

 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

SIGA A GENTE NO TWITTER

 

 


Seja Sócio-Torcedor! E clicando no banner abaixo você também vira mais um parceiro do MRN!

Sim! Metade do valor da primeira mensalidade do plano que você adquire depois de clicar no banner abaixo vai para a equipe MRN Informação.

Se você admira o nosso trabalho, nos ajude assim a manter o nosso projeto e ampliar a nossa missão!

 

Banner_300X300