Por Gerrinson. R. de Andrade (Twitter: @GerriRodrian) - Do Blog Orra, é Mengo!
ceni_paulovictor_ae_maurohorita

(Foto: Mauro Horita / Ag. Estado)

Listas, destas de escolher Top Five, Top Ten, Top One Hundred, são sempre subjetivas, provocativas e discutíveis. Embora pareçam inúteis, são educativas e estimulam a memória e a capacidade de avaliação. Pesamos diversos fatores, ponderamos o peso das coisas, aprendemos a organizar por hierarquia e critérios.



Assim, tendo em vista os inúmeros benefícios cognitivos, deveríamos estimular a torcida rubro-negra a produzir diversas listas: “Quais os cinco melhores laterais esquerdos do Rubro-Negro na era profissional?”, “Quais os cinco jogos mais bem jogados fora de casa, nos últimos dez anos?”, “Quais as cinco maiores vitórias sobre o Guarani?”.

***

Os recortes precisam ser feitos.

Em “Quais o Top Five Goleiros Rubro-Negros?”,  vale estabelecer um critério de partidas mínimas para um atleta poder ser considerado. Com um mínimo de 50 partidas, temos 34 candidatos. Com um mínimo de 100 partidas, temos 20. E se 100 anos for muito para avaliar, adote-se um critério temporal:

Quais goleiros são Top Five Mengo, nos últimos 40 anos e com mais de 100 partidas?

  • Cantareli, Raul, Zé Carlos, Gilmar, Clemer, Júlio César, Diego, Bruno e Felipe.

***

Títulos podem ser um critério, os que mais venceram podem ter mais pontos que outros menos vencedores. Ou não, visto que grandes goleiros trabalham mais quando o time está fraco. Diego foi goleiro em tempos de Diego Souza, Renato e Luizão, Raul foi goleiro com Zico, Adílio e Adão.

A média de gols tomados pode ser um item para ajudar a estabelecer o ranking. Maior o número de critérios, mais facilitados ficam os julgamentos. A memória pode ter voto, embora seja de pouca confiança.

***

Embora heroicos, todos estes nove goleiros tiveram seus momentos de provocar insônia. O Flamengo ainda não teve uma unanimidade debaixo das traves, cada um faria uma lista diferente no Top Five. Um provável Top Five Mengo Goleiros com mais de 100 jogos, desde 1974:

1. Raul
2. Júlio César
3. Zé Carlos
4. Cantarelli
5. Bruno

Paulo Victor bem poderia ser esse goleiro-ídolo de jogar centenas de jogos, ficar na história pela regularidade e pelo caráter, sem presepadas marcantes, comportamento de pessoa normal, sem panelinhas, sem arrogâncias. E defendendo títulos.


Em breve chegará a cem jogos e, de alguma forma, começará a fazer sentido na lista acima.

Orra, é Mengo!

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!