O “Hürriyet”, um dos principais jornais da Turquia, disse que o Flamengo fez uma proposta de 7 milhões de euros ao Galatasaray pelos direitos econômicos do atacante alemão Lukas Podolski, que construiu uma relação de proximidade com a torcida do clube desde a sua passagem pelo Brasil na Copa do Mundo de 2014.


Segundo o “Hürriyet”, a Adidas, patrocinadora do Flamengo e do atleta, estaria por trás da operação como parte de um esforço para ampliar a venda de camisas do clube fora do Brasil.

No aniversário do Flamengo, o Twitter oficial do clube causou expectativa na torcida. Depois que Podolski postou uma mensagem vestindo o manto e parabenizando o Flamengo, o Twitter rubro-negro postou a seguinte enquete:

Na ocasião, dirigentes do clube se prontificaram a esclarecer que não havia nenhuma negociação em curso com o jogador alemão. Podolski se tornou um sonho de consumo de parte dos rubro-negros depois que começou a desfilar com o manto e postar mensagens para a torcida durante e após a Copa do Mundo – ele posou com a taça e viajou para a Alemanha após o título usando a camisa que lhe foi presenteada por André Santos, então no Flamengo e ex-colega do alemão no Arsenal.

O comentarista Mauro Cezar Pereira, da ESPN, que costuma estar bem informado sobre as negociações do Flamengo, porém, esfriou os ânimos da torcida no Twitter sobre a possibilidade de uma negociação com Podolski:


Caso efetivamente se interessasse por Podolski, o Flamengo enfrentaria ainda uma concorrência de peso: o Beijing Guoan, da China, teria feito também uma proposta pelo atacante campeão do mundo. Desde a temporada 2015/16, Podolski disputou 42 jogos pelo Galatasaray e marcou 19 gols. Ele se despediu da seleção alemã após a disputa da Euro deste ano.

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!