O Flamengo tem feito boas exibições na Libertadores, jogou bem os quatro jogos que fez, mas perdeu dois deles.

Já havia acontecido no Chile, quando levou 1 x 0 da Universidad Catolica.

Agora a história se repete diante do Atlético Paranaense, que é um bom time, mas não é melhor que o nosso. Mesmo assim, venceu por 2 x 1.

O Flamengo, até hoje, só conseguiu ganhar deles uma vez, na Arena da Baixada, em 2011.

Como isso é possível?


Tá certo que o Fla não viu a cor da bola, nos dez primeiros minutos de jogo, nesta quarta-feira, mas escapou ileso e passou a dominar as ações, até o final da partida.

Por que perdemos, mesmo jogando melhor que o adversário?

Não me venham com o desfalque do Diego!

O cara é craque, domina o meio de campo, mas vamos convir que o Flamengo tem se virado muito bem sem ele.

Isso não pode servir de desculpa.

Vamos começar pelo Alex Muralha. Chegou bem no clube, tomou a vaga do Paulo Victor e, hoje, é nítida a sua queda de produção.

O gol que ele levou dos paranaenses, foi digno de um peladeiro. Uma bola perdida na área, toda pra ele e o cara sai catando borboleta?

Esse Muralha está precisando voltar a treinar e jogar com mais seriedade. Tá mais preocupado com seu cabelinho, sua barbinha e sua mulher gostosa? E o futebol?

Nem pênalti mais ele consegue defender. Erra todos os lados que o batedor escolhe.

Até o Tite esqueceu dele na Seleção Brasileira. E o pior é que nem temos um bom reserva para o Muralha (ou seria murinho?).

Gabriel, que considero um ótimo jogador (podem me atirar pedras) alterna bons e maus momentos. É muito irregular e um jogador assim não pode ser titular. Banco nele!

O Zé Ricardo continua sendo um bom técnico, mas erra demais nas substituições. Sem falar que demora a fazer as mudanças.

E, na coletiva, ao final do jogo, o Zé Ricardo elogia o time. Elogiar um time que perde jogando melhor?

Tem é que cobrar dos jogadores seriedade na hora de concluir. Vão treinar!

Queria resolver o jogo com Leandro Damião? Tás de sacanagem, né?

Esse Leandro Damião só deu certo no início de carreira no Internacional, em 2010/2011. De lá prá cá passou por um monte de time e não se firmou em nenhum. Pertence ao Santos que não o quer de volta. Tá doido prá se livrar dele!

Um centroavante que não sabe cabecear? Foram três cabeçadas, do Damião, duas muito altas e uma que bateu na trave.

E dá-lhe domínio do Flamengo!

O Guerrero é artilheiro? Com certeza. Só não é craque. Mas seria muito mais se não fosse tão displicente e perdesse tantos gols, como aconteceu neste jogo e em outros este ano.

Diriam os festeiros: “O Guerrero está fazendo o melhor começo de temporada dele no Brasil”.

Pô, dez gols em quatorze jogos é bom?

Pode até ser, mas é insuficiente, perto das chances que desperdiça.

Vejam que o Cone Fred, no Galo, fez mais gols do que partidas que disputou.

Quer saber quem são os “famosos” que já fizeram mais gols que o Guerrero este ano?

Brenner (internacional), Rafael Oliveira (Botafogo-PB), Ulisses (Cordino-MA), Léo Gamalho (Goiás),

Romarinho (Ceilândia)… Vou parar por aqui, pois tem mais uns seis na frente do Guerrero, inclusive jogador do Piauí.

O Guerrero é mascarado e acha que chutando de qualquer jeito a bola entra. Vai se catar!

Sem falar que leva cartão amarelo em quase todos os jogos.

O Flamengo teve onze erros de finalizações diante do Atlético Paranaense. Destes, pelo menos quatro
deles foram os chamados “gols que até a minha avó faria”.

Gente, jogar melhor que o adversário e perder não é normal!

O problema está nas finalizações e isso é óbvio.

Podemos nos classificar para o mata-mata da Libertadores, no próximo jogo, contra o Universidad Católica, no Maraca (é nosso), mas se continuarmos perdendo gols de montão, seremos eliminados nas oitavas.

Começo a me preocupar é com a final do Carioca… Ser campeão do Rio este ano é obrigação!

 
Paschoal Ambrósio Filho é jornalista e autor dos livros 6x Mengão, 100 Anos de Bola, Raça e Paixão e PentaTri


Este texto faz parte da plataforma de opinião MRN Blogs, portanto o conteúdo acima é de responsabilidade expressa de seu autor, assim como o uso de fontes e imagens de terceiros. O Mundo Rubro Negro respeita todas as opiniões contrárias. Nossa ideia é sempre promover o fórum sadio de ideias. Email: [email protected].

Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN

Outra forma de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.