Com os dois gols marcados contra o Botafogo, Paolo Guerrero chegou a 32 tentos com a camisa do Flamengo em 77 partidas. A marca tornou o peruano o sexto maior artilheiro estrangeiro em 105 anos de História do futebol brasileiro. Ele superou o argentino Alfredo González, que jogou no Flamengo entre 1938 e 1939 e marcou 31 gols com a camisa rubro-negra.

O próximo nome a ser superado pelo peruano é de outro argentino, um ídolo histórico do Flamengo: Valido, autor do gol do primeiro tricampeonato carioca rubro-negro, em 1944. Ele marcou 45 vezes com o manto e é o quinto maior artilheiro estrangeiro.

O quarto colocado, com 47 gols, é o inglês Sidney Pullen, campeão carioca em 1915, 1920 e 1921 pelo Flamengo e único jogador estrangeiro a vestir a camisa da seleção brasileira na História.

O terceiro lugar é do sérvio Dejan Petkovic, herói de outro tri estadual, em 2001, e do mais recente título brasileiro rubro-negro. Pet marcou 57 vezes com o manto.

O vice-artilheiro entre os estrangeiros da História do Flamengo é o paraguaio Benítez, que integrava o ataque do Flamengo em outro tricampeonato estadual, entre 1953 e 1955. Benítez marcou 76 gols pelo Flamengo.


Guerrero ainda terá que ficar um longo tempo no Flamengo e marcar muitos gols caso sonhe em chegar no topo da lista, ocupado atualmente por ninguém menos que um dos grandes ídolos da história rubro-negra, o argentino Doval, que marcou 94 gols em 263 jogos pelo Flamengo entre 1969 e 1975.

Guerrero chegou também à lista dos dez maiores artilheiros do século XXI do Flamengo, superando Deivid e se igualando a Jean, Juan e Alecsandro na nona posição. O líder é Renato Abreu, que marcou 73 vezes.

 
 
O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN

Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.