CP1alRyWUAAWWpc


MARIANA SÁ | Twitter @imastargirl

mrn infAntes do clássico contra o Vasco neste domingo (27), o Flamengo foi até a Gávea para treinar diante de sua torcida. Apesar de ter sofrido duas derrotas seguidas, o rubro-negro segue confiante de que conseguirá a vaga para a Libertadores. Com poucas mudanças no time titular, Oswaldo comandou o único treinamento aberto da semana.

O treino começou às 10h sob calor intenso no Rio de Janeiro. A grande novidade foi a volta de Emerson Sheik, que estava lesionado e pode ser titular amanhã. Wallace, fora por um estiramento na coxa, seguiu fazendo trabalhos na academia. Ederson era a grande dúvida, já que era esperado que ele pudesse iniciar a partida, mas Oswaldo acredita que ele ainda está sem ritmo.

Oswaldo de Oliveira ouviu muitas reclamações da torcida em relação aos gols tomados por bola na área e mostrou que trabalha bastante para melhorar a situação. A intensiva tentativa de mudar o posicionamento dos defensores ficou evidente e é claro que o time também enxerga isso como uma falha importante.

A equipe também treinou faltas, pênaltis e algumas jogadas ensaiadas. Além disso, Oswaldo organizou alguns problemas táticos, mas não deu muitas pistas de como será a formação para amanhã. Tanto Flamengo quanto Vasco investiram em treinamentos fechados durante a semana e querem guardar as surpresas para o jogo.

Outro destaque foi a presença de Eduardo Bandeira de Mello, atual presidente do clube, além de Cacau Cotta, candidato ao cargo, e Alexandre Póvoa, que hoje está na Chapa Verde. Todos conversaram com sócios e imprensa durante a atividade do time.

O clima de descontração em campo não tirou a preocupação dos jogadores com a partida, já que os últimos confrontos contra o Vasco não têm sido satisfatórios para o rubro-negro. A torcida presente cobrou muito um time mais atento e com mais vontade de vencer.

Durante a coletiva, Oswaldo de Oliveira mostrou animação e confiança para amanhã. Sobre a ausência de Ederson no time titular, o treinador afirmou que o período de readaptação é longo e que a lesão atrapalhou, mas a expectativa é que com o tempo melhore. Perguntado sobre a torcida, o técnico disse “Foi um treinamento que eu precisei falar bastante e, com a presença da torcida, eles (jogadores) precisavam de muita concentração. Foi bom para todos.”.

Questionado sobre constante mudança na escalação titular, o treinador não se mostrou preocupado. Ele afirma que é muito por conta de lesões constantes e suspensões, mas que a mudança acaba sendo boa em alguns casos. Sobre Guerrero, que voltou na última partida depois de um mês fora, Oswaldo afirmou que sabe da qualidade dele e que tem certeza que em breve o atacante voltará a marcar.

Sem se sentir pressionado pelos resultados passados e sabendo da importância da vitória, o Flamengo enfrenta o Vasco amanhã no Maracanã às 16h. Mais de 30 mil ingressos já foram vendidos e o setor destinado a torcida rubro-negra já esgotou.

 

Comente pelo Twitter @MRN_CRF ou direto na fanpage do MRN no Facebook (clique aqui). Sua opinião faz toda diferença!

[metaslider id=11120]

ÚLTIMAS DO MUNDO RUBRO NEGRO

FlaExperience ganha réplicas das camisas usadas no Mundial

FlaBasquete apresenta time, pacote de ingressos e ações com torcedores para atrair mais público na temporada 15/16

Papo Rubro-Negro! Interior do Ceará tem programa de rádio exclusivo do Mengão

Mil dias de Eduardo Bandeira de Mello

O maior radialista que o Flamengo conheceu

Vamos fingir respeito com a Chacota Nacional

 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

SIGA A GENTE NO TWITTER