Felipe Henriques | Twitter @Lipe_Henry

 

logo-mrn-informaçãoOswaldo de Oliveira é o novo técnico do Flamengo. O treinador de 64 anos que há dois meses deixou o Palmeiras, seu último clube, foi anunciado na tarde dessa quinta-feira pelo rubro-negro através do Twitter, poucas horas após a saída de Cristóvão Borges do comando técnico do Flamengo.


Mas quem é o irmão de Waldemar? O que podemos esperar do favorito da cúpula rubro-negra a partir de agora, 12 anos depois de sua primeira passagem pela Gávea? E o atual retrospecto?

Em 2013, Oswaldo levou o Botafogo de volta à uma Libertadores após 18 anos sem que o alvinegro disputasse a principal competição interclubes da América do Sul. Ao todo, foram 133 jogos, 64 vitórias, 38 empates e 31 derrotas.

Aproveitamento de 57,6% entre DEZ/11 e DEZ/13, claro que aquele time tinha o craque holandês Clareence Seedorf, mas sofreu um desmanche de jogadores importantes enquanto liderava o Campeonato Brasileiro e mesmo assim conseguiu terminar em 4º.

Poderia ter feito uma frente maior ao Cruzeiro, sem contar o título carioca conquistado de forma incontestável no primeiro semestre. Porém não nos esqueçamos que esse mesmo Botafogo (O melhor dos últimos 10 anos, sem dúvida), foi eliminado pelo próprio Flamengo, até então treinado de forma interina por Jayme de Almeida, nas quartas de final da Copa do Brasil: 4-0, com direito a hat-trick do Brocador.

Em 2014, Oswaldo assumiu o Santos sendo contratado para ir até o final da temporada. Chegou a final do estadual, mas perdeu a decisão para o Ituano. O resultado pareceu abalar o time que não começou tão bem o Brasileirão, gerando a demissão em Setembro por motivos desconhecidos até aqui, mistérios que somente o próprio Oswaldo deve saber.

O mais curioso é que o aproveitamento dele durante os menos de 10 meses de Santos foi parecido com o aproveitamento final no também alvinegro carioca: 56,8%, com 25 vitórias, nove empates e 10 derrotas num total de 44 partidas.

Oswaldo de Oliveira retorna ao Flamengo | Foto Divulgação

Oswaldo de Oliveira retorna ao Flamengo | Foto Divulgação

No começo dessa temporada, Oswaldo foi uma das inúmeras contratações do Palmeiras para esse ano. A expectativa era montar um time forte com as peças adquiridas e levar o alviverde à conquista de um título, já que o centenário não deixaria nenhuma saudade com o quase retorno à recém deixada segundona.

Muitos jogadores contratados, fora os que já haviam. E mesmo com alguns bons resultados contra São Paulo e Corinthians, a perda do título na decisão contra o Santos pareceu pesar – e muito! – na demissão que viria em junho, ainda mais com o fraco início de Brasileirão: 6 pontos em 18 disputados e 15º lugar na tabela.

Foram 31 jogos comandando o Palmeiras, 17 vitórias, 7 empates e 7 derrotas, com aproveitamento de 62,4%.

Ao todo na carreira iniciada em 1999 no Corinthians, foram 13 títulos:

Paulistão e Brasileirão (1999) e Mundial de Clubes (2000) – Corinthians

Supercampeonato Paulista (2002) – São Paulo

J LEAGUE (2007, 2008 e 2009)
Copa do Imperador (2007 e 2010)
Supercopa Japonesa (2009 e 2010)
Copa da Liga Japonesa (2011) – Kashima Antlers

Campeonato Carioca (2013) – Botafogo

Curiosidade: Oswaldo de Oliveira foi o primeiro e, até aqui único técnico a treinar os quatro grandes do RJ e de SP.


Estilo de jogo: Baseia-se no 4-2-3-1, com subida constante dos laterais e é adepto da posse de bola, diferente do que vem sendo o estilo de jogo desde a chegada de Luxa, onde o contra-ataque era o ponto forte, explorando a velocidade de Everton e, eventualmente Gabriel pelos flancos.
Gosta de trabalhar com a garotada e mesclar com os experientes, um ponto positivo para quem tem César, Samir, Jorge, Jajá e Douglas Baggio. Inovador, corajoso e disposto a voltar aos títulos, com o desafio de já estrear bem contra São Paulo, domingo no Maracanã e eliminar o Vasco nas oitavas da Copa do Brasil, após o revés de 0-1 na noite de ontem.

Boa sorte, Oswaldo!

 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

SIGA A GENTE NO TWITTER

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!