Flamengo ganha do Bangu em noite de gols perdidos.

Por George Castro - Para o MRN Informação

O time do Flamengo entrou em campo nesta quarta-feira para enfrentar o time do Bangu, no estádio do Maracanã, pela 12ª do Campeonato Carioca. O time rubro-negro ganhou por 2×1 e agora possui os mesmos 29 pontos do Botafogo, que é líder do campeonato.

Flamengo vence Bangu no Maracanã (Foto: Gilvan de Souza-Flamengo)

Flamengo vence Bangu no Maracanã (Foto: Gilvan de Souza-Flamengo)

 

O Flamengo teve nada menos que 10 desfalques para essa partida e entrou em campo com um time misto. O time do Bangu tentava pressionar pelo lado esquerdo no inicio do jogo, mas logo o time do Flamengo soube se impor em campo e começou a assustar o adversário.  Thallyson avançou pela esquerda e cruzou para Eduardo da Silva, que de cabeça encobriu o goleiro mas jogou na trave. Era o inicio da pressão rubro-negra. O time do Bangu tinha em Almir o seu jogador mais inspirado e conseguiu alguns bons lances. Aos 22 minutos, em uma bola levantada na área, Paulo Victor dividiu com Deivison e caiu na área. A bola ficou solta e na sobra, Bruno mandou para o gol, mas a arbitragem marcou falta no goleiro rubro-negro. Mas o Flamengo logo deu a resposta e Alecsandro invadiu a área pela esquerda e cruzou, o goleiro espalmou e no rebote, Eduardo chutou para nova defesa do goleiro banguense. Aos 42 minutos o Flamengo meteu a segunda bola na trave. Em um cruzamento de Márcio Araújo, Alecsandro se antecipou e tocou na bola, que foi na trave. No rebote Pará cruzou e Eduardo da Silva bateu em cima do goleiro.

Na volta do intervalo, Luxemburgo tirou Thallyson e Gabriel para as entradas de Éverton e Jorge, cria da base flamenguista. As mudanças surtiram efeito de imediato. Éverton avançou pela esquerda e tocou para Eduardo, que chutou no contra pé do goleiro, mas a bola bateu na zaga. Aos 6 minutos, enfim, o gol rubro-negro. Marcelo Cirino disparou pela direita e deu um lindo lançamento para Alecsandro. O atacante deu um toque e tirou do goleiro para abrir o marcador. Flamengo 1×0. Não demorou e o segundo gol aconteceu. Em uma bola roubada por Márcio Araújo aos oito minutos, Luiz Antônio deu um toque espetacular para Pará, que entrou na área e, com categoria, tocou na saída de Márcio. Flamengo 2×0. Com o resultado de , o Flamengo era líder do campeonato pelo critério de desempate, por ter um gol a mais que o Botafogo. O Flamengo continuou bem e assustou em alguns lances, com Márcio Araújo e Cirino. Mas o Bangu, que já não lutava tanto, achou um gol. Em jogada na entrada da área, Almir driblou 3 jogadores, gingou na frente da zaga e bateu no canto de Paulo Victor. Flamengo 2×1 e perda da liderança provisória. O time rubro-negro continuou pressionando e teve um de Eduardo da Silva gol anulado, aos 29 minutos do segundo tempo. Aos 36, Pará cruzou na área, a bola desviou e Éverton bateu meio sem jeito em cima do goleiro. O Flamengo ainda teve mais algumas chances, mas o time do Bangu se defendeu bem e segurou o resultado.

O Flamengo volta a campo no sábado, para enfrentar a equipe do Bonsucesso, no Engenhão.

 

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 2X1 BANGU


Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 25 de março de 2015 (Quarta-feira)
Horário: 22h(de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (RJ) e Thiago Corrêa Farinha (RJ)
Cartões amarelos: Marcelo (FLA)
Gols: Alecsandro (FLA), aos nove minutos, Pará (FLA), aos oito minutos e Almir (BAN), aos 33 minutos do segundo tempo

Renda e público: 5.068 pagantes / 6.084 presentes / R$ 164.360,00

FLAMENGO: Paulo Victor, Pará, Marcelo, Frauches e Thallyson (Jorge); Márcio Araújo, Luiz Antônio e Eduardo da Silva; Gabriel (Everton), Alecsandro e Marcelo Cirino (Matheus Sávio)
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

BANGU: Márcio; Iago Soares, Luis Filipe, Sérgio Raphael e Guilherme; Ives (Igor Alves), Magno, Raphael Augusto (Anderson Penna) e Almir; Deivison (Matheus Pimenta) e Bruno Luiz
Técnico: Mário Marques