mrn inf

 Matheus Soares (@mathheusramos)

 

 

Na coletiva de imprensa, Luxemburgo não escondeu a insatisfação com a arbitragem, mas também falou sobre a má atuação da equipe.

Jogávamos pelo empate, até então, tudo bem. Depois do gol sofrido, a passividade do time em chegar ao gol do Vasco era evidente. A equipe não demonstrou tanta vontade dentro de campo, antes e após o gol. Foram poucas chances claras, e muitos erros de passe, inclusive, um desses erros resultou no pênalti, sofrido por Serginho e convertido por Gilberto.

O técnico do Flamengo ficou bastante irritado com o árbitro Rodrigo Nunes de Sá. Em alguns lances, era nítida a atitude do juiz em não marcar algo contra o Vasco. Inclusive, na comemoração de Gilberto, onde o jogador foi até a torcida, o jogador deveria ter tomado cartão amarelo, e, como Gilberto já tinha cartão, seria expulso. O árbitro não deu o segundo cartão.

Luxemburgo não gostou nada da atitude do árbitro em não dar o amarelo para Gilberto: “Foi um erro covarde. O juiz sabia que o Gilberto tinha amarelo, e não expulsou”.

Após declarar toda a sua insatisfação com alguns erros de arbitragem, Vanderlei Luxemburgo logo tratou de explicar a má atuação da equipe, e se mostrou confiante para o decorrer da temporada: “Estamos no caminho certo. Temos que melhorar umas coisas, uns erros do estadual, mas tem tudo pra ser uma temporada boa”.

O próximo desafio do Flamengo será longe de casa, vamos encarar o Salgueiro, em Pernambuco, pela Copa do Brasil.