Pós-jogo futebol

Após a derrota para o Fluminense na última rodada, o Flamengo voltou a campo para enfrentar o Internacional, em partida válida pela décima segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Jogando melhor e merecendo marcar mais gols, o Mais Querido do Brasil conquistou a vitória por 1 a 0 e dorme no G4.

Zé Ricardo promoveu apenas duas alterações para esta partida. No lugar de Pará, o treinador voltou Rodinei para o time titular, assim como Ederson, que voltou à equipe no lugar de Éverton.

Primeiro tempo

A partida começou equilibrada e com os dois times tentando encontrar espaços para armar as jogadas. Tudo corria bem até que, logo aos 9 minutos, houve uma queda de luz no Estádio Kléber Andrade e o jogo precisou ser paralisado até que a situação fosse normalizada. A bola voltou a rolar apenas cinco minutos depois, o que manteve o ritmo inicial.

Os dois times seguiam tentando acertar a armação das jogadas e os defensores se destacaram por segurarem as chances criadas. Apesar do número alto de faltas, o Flamengo conseguiu fazer um jogo mais forte e foi para cima do adversário, levando mais perigo e se movimentando melhor.


Aos 17 minutos, o Flamengo conseguiu um ataque bom e Ederson tentou cruzar, mas a bola bateu no braço do jogador do Internacional e o juiz nada marcou. Em seguida, a bola ficou com Willian Arão no lado direito e ele lançou na área direto na cabeça de Guerrero, que tocou e a deixou perfeita para Ederson cabecear direto para o fundo da rede, abrindo o placar para o Mengo.

Em seguida, o Internacional começou a ir mais ao ataque e se aproximar de Alex Muralha, que precisou de atenção graças aos vários lançamentos do time colorado. Entretanto, a defesa rubro-negra trabalhou muito bem e afastou as tentativas. Se o colorado ia todo para o campo adversário, o Flamengo aproveitava para sair em velocidade quando roubava as bolas. Porém, a equipe só não ampliou o placar pelos erros nas finalizações. O jogo continuou equilibrado e sem muitas chances claras para os dois lados até o apito final.

Segundo tempo

A segunda etapa foi menos movimentada. O Flamengo tentou administrar o resultado enquanto o Internacional buscava mais chances no ataque. O time colorado acabou dominando as ações já que precisava marcar, o que fez o Mengo ter que ficar mais atento na defesa. Apesar de estar mais em seu próprio campo, o rubro-negro ainda conseguiu finalizar com perigo algumas vezes, mas as tentativas pararam em Muriel ou na zaga.

O duelo continuou da mesma forma, com o Internacional tendo mais posse de bola e jogando mais no campo de ataque e o Flamengo aproveitando algumas chances e assustando o goleiro Muriel, que trabalhou bastante no segundo tempo. Apesar de ter mais a bola, o Inter não assustou tanto Alex Muralha.

Seguro na defesa e com um ataque que não conseguiu acertar as finalizações, o Flamengo acabou conseguindo segurar o resultado até o fim e manteve o 1 a 0 no placar. Com essa vitória, o Fla volta para a quarta colocação, dorme no G4 e torce para que seus adversários diretos tropecem na rodada.

Próximo jogo

O Flamengo volta a campo no próximo domingo (3) quando enfrentará o Corinthians, na Arena Corinthians, às 16h.

FICHA TÉCNICA

Flamengo x Internacional

Data: 29/06/2016

Local: Estádio Kleber Andrade, Cariacia-ES

Horário: 19h30min

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro

Assistentes: Pablo Almeida da Costa e Celso Luiz da Silva

Cartões amarelos: Réver (FLA), Fernando Bob (INT)

FLAMENGO: Alex Muralha; Rodinei (Pará), Réver, Rafael Vaz e Jorge; Márcio Araújo, Willian Arão e Alan Patrick; Marcelo Cirino (Thiago Santos), Guerrero e Ederson (Éverton). Técnico: Zé Ricardo