Base

O time sub-17 do Flamengo havia enfrentado o Sport pelas quartas de final da Copa do Brasil em casa e, após estar vencendo por 3 x 0, cedeu o empate e iniciou o jogo de volta em grande desvantagem. Precisando vencer para se classificar, deixou o confronto terminar em 4 x 4 no placar agregado e classificou o Sport pelo critério do gol fora de casa.

Além de contar com o apoio da torcida em seu estádio na Ilha do Retiro, os juvenis do Sport ainda receberam a visita de Diego Souza, astro do time profissional, para incentivá-los antes do jogo. O suporte pareceu surtir efeito no time que começou o jogo buscando a vitória.

O Flamengo tinha uma proposta distinta, desde o início sabia que o time da casa seria muito ofensivo e que precisaria tentar esfriar o jogo no início para controlar a partida. Assim fechavam o meio e a defesa, deixando o adversário com a bola, mas sabendo aproveitar os contra-ataques com o adversário exposto, especialmente pelos lados.

E, foi justamente da lateral esquerda, que Pablo cruzou para Alisson, da marca de pênalti, completar de cabeça pro gol. Com a vantagem na mão, o rubro-negro carioca passou a administrar a partida, sabendo ser ofensivo quando encontrava espaços e não dando abertura para o adversário desenvolver seu jogo.

Em especial, a zaga esteve muito bem e Thuler teve grande atuação. Lincoln e Alisson também faziam grande partida até cansarem e serem substituídos no 2° tempo. E, talvez aí, o Flamengo tropeçou.


O Sport tem jogadores já no limite de idade da categoria, enquanto o Flamengo tem muitos jogadores no primeiro ano de juvenis. O desgaste acentuado para disputar com jogadores mais fortes foi deixando o time mais aberto, sem volume de ataque e, assim, frágil a pressão.

As substituições do treinador não surtiram muito efeito. O time sofria grande pressão do Sport quando aos 29 minutos sofreu o empate após Patrick chutar forte, sem chances para Hugo defender. As substituições seguintes ajudaram a pôr o time para frente, mas sem penetração ou grande eficácia, sem levar tanto perigo ao gol do adversário quanto sofria ao se expor para buscar a classificação.
 
Ficha Técnica

Sport 1 (4) x (4) 1 Flamengo – Ilha do Retiro – Quartas de Final da Copa do Brasil

Flamengo: Hugo, Wesley, M. Thuler, Ruan e Gabriel, Pablo (Andrade), Vinicius e Rafael Carvalheira (Lobato); Alisson (Fabrício), L. Henrique e Lincoln (Matheus Guedes)

Sport: Everton, Elias, Matheus, Alesandro, Caio; Vinícius, Brendo, Aílton; Pardal, Juninho

Árbitro: José Woshington da Silva

Assistente 1: Fabio Sales

Assistente 2: Fernando Junior