Flamengo sofre e perde para o Fortaleza na Copa do Brasil

Flamengo sofre e perde para o Fortaleza na Copa do Brasil

Após a eliminação no Campeonato Carioca, o Flamengo voltou a campo nesta quarta-feira (4), depois de dez dias de descanso e treinamentos, para fazer o jogo de ida da Copa do Brasil. Contra o Fortaleza fora de casa, o Mais Querido teve muitos problemas e não conseguiu organizar sua defesa, levando dois gols e saindo derrotado do Castelão.



PRIMEIRO TEMPO

O Flamengo começou lento e sem conseguir grandes jogadas, apostando principalmente em bolas recuadas para Paulo Victor. Enquanto tentava acertar na criação, o rubro-negro começou a ver o adversário trocar passes e achar espaços na frágil defesa do Mais Querido. Com isso, o time da casa conseguiu duas boas chances em chutes de fora da área que passaram perto do gol do Fla.


A partida seguiu com um Flamengo que pouco criou e encontrou dificuldades para passar pela defesa do Fortaleza. A melhor chance nos minutos iniciais foi com Mancuello, que acertou um chute muito forte em cima do goleiro Ricardo Berna. Enquanto as finalizações rubro-negras eram ruins, os adversários começaram a se aproveitar das falhas e abriram o placar aos 17 minutos quando, após falha enorme da defesa, Anselmo ficou sozinho e só teve o trabalho de mandar para o fundo da rede.

Depois do gol do Fortaleza, o Flamengo começou a se colocar em uma posição complicada, já que não acertava finalizações boas e ainda perdia bolas bobas, dando ao adversário a chance de sair no contra-ataque rápido e pegar de surpresa o bagunçado sistema defensivo. Os dois times conseguiram poucas chances reais de marcar, mas a efetividade dos donos da casa pesou no resultado final do primeiro tempo.

SEGUNDO TEMPO

Para a segunda etapa, Muricy Ramalho optou por não fazer alterações e manteve o mesmo time. Nos minutos iniciais, o Flamengo tentou criar algumas chances para tirar a desvantagem do marcador e novamente teve dificuldades para acertar a finalização. O Fortaleza tentava segurar o placar, sabia que a vantagem era pequena e investiu no contra-ataque rápido, aproveitando os espaços da defesa.

Antes da metade da etapa final, o Fortaleza se postou totalmente atrás, o que fez com que o Flamengo possuísse mais a bola, mas não conseguisse fazer nada com ela. O rubro-negro passou a encontrar mais dificuldade para fazer a criação de jogadas, principalmente porque Mancuello constantemente ficava sem opções. Quando conseguia chegar próximo das traves de Ricardo Berna, os principais atacantes não acertavam.

Depois de muitas tentativas frustradas, aos 20 minutos a bola chegou mais uma vez na área e Willian Arão conseguiu passar para Paolo Guerrero, que aproveitou e, todo torto, mandou para o gol, empatando a partida. Entretanto, em seguida o Fortaleza voltou a sair para o jogo e, apenas sete minutos depois, Felipe passou por todos os defensores rubro-negro com muita facilidade e marcou o segundo do time da casa, deixando 2×1 no placar.

Com a vantagem novamente, o Fortaleza voltou a se fechar, mas buscou aproveitar cada falha do Mais Querido. O Flamengo continuou pecando muito nas finalizações, parando principalmente em Ricardo Berna. A partida seguiu desta forma até o fim, com o rubro-negro tentando finalizar e o time da casa fazendo uma bagunça na defesa adversária.

PRÓXIMO JOGO

Agora o Flamengo foca no início do Campeonato Brasileiro e precisa começar com o pé direito na competição. O rubro-negro enfrenta o Sport na rodada inicial no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, às 16h, no sábado (14).

Pela Copa do Brasil, Flamengo e Fortaleza voltam a se enfrentar no dia 18, quarta-feira, também em Volta Redonda.

FICHA TÉCNICA

Fortaleza 1×0 Flamengo

Jogo de ida da 2ª fase da Copa do Brasil

Data:04/05/2016
Horário: 21h45
Local: Arena Castelão
Árbitro: Marielson Alves Silva
Assistentes: Elicarlos Franco de Oliveira e Dijalma Silva Ferreira Júnior
Cartão amarelo: Juan e Guerrero
FLAMENGO: Paulo Victor; Rodinei, Juan, Wallace e Jorge; Cuéllar, Willian Arão e Mancuello; Marcelo Cirino (Ederson), Guerrero e Fernandinho (Gabriel). Técnico: Muricy Ramalho

FORTALEZA: Ricardo Berna; Felipe (Elivelton), Lima,Edimar e Willian Simões; Dudu Cearense, Juliano, Pio (Corrêa), Jean Mota (Juninho) e Everton; Anselmo. Técnico: Marquinhos Santos

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!

About The Author

APOIADORES

ANÚNCIO

ANÚNCIO

Siga-nos no Twitter