Select Page

Escrita mantida!

Escrita mantida!

Fora de casa, Flamengo faz um bom segundo tempo e se classifica para as oitavas de final da Copa do Brasil



Por Matheus Soares


 

Artilheiro, Guerrero mais uma vez deixou sua marca com o Manto Sagrado. (Foto: Flamengo Oficial)

Artilheiro, Guerrero mais uma vez deixou sua marca com o Manto Sagrado  | Foto Gilvan de Souza/Flamengo

Com destaques para o goleiro César, que fez uma partida sensacional, e Guerrero, que marcou seu segundo gol em dois jogos, o Flamengo respira aliviado e se classifica na copa do brasil, mantendo a escrita de sempre estar presente na fase de oitavas de final da competição. Após uma derrota dentro de casa no último domingo, a vitória de hoje serve para retomar a confiança da torcida e buscar um bom resultado diante do Grêmio, pelo Brasileiro, no próximo sábado.

O Flamengo enfrentou a equipe do Náutico, na noite desta quarta-feira (15), em jogo válido pela 3a fase da Copa do Brasil, na Arena Pernambuco, em Recife. Buscando a classificação, o Flamengo foi a campo com o que tinha de melhor e contou com as voltas de Guerrero e Sheik, que não puderam jogar no último fim de semana contra o Corinthians, por questões contratuais.

O JOGO

Nos minutos iniciais, as duas equipes já erravam inúmeros passes e chegavam pouco ao ataque. O Náutico foi quem tomou iniciativa e chegou pela primeira vez ao gol adversário, mas sem muito perigo. Aos oito minutos, após outra boa chegada do Náutico, Cáceres cometeu falta sobre Filipe Soutto e recebeu o cartão amarelo, sem perigos, a zaga afastou.

Já com 30 minutos jogados, o Flamengo, mesmo com dificuldades, mostrou ser um pouco mais superior obteve mais posse de bola. Aos 34, após lance aéreo no meio campo, Jonas caiu de mau jeito e sofreu uma luxação no cotovelo direito. Sem condições de jogo, o volante foi substituído pelo atacante Marcelo Cirino, que apareceu pouco na primeira etapa. Já chegando ao fim do primeiro tempo, o Flamengo teve as melhores chances com Emerson Sheik, que obrigou o goleiro Júlio Cesar a fazer grande defesa. O primeiro tempo terminou sem gols.


As duas equipes voltaram para o segundo tempo sem alterações. Chegando com mais perigo na etapa final, aos seis minutos, após boa jogada de Emerson Sheik e bela assistência de Éverton, o lateral Jorge abriu o placar para o Flamengo e marcou o seu primeiro gol como profissional.

Jorge, visivelmente emocionado após seu primeiro gol como profissional no Flamengo. (Foto: Flamengo Oficial)

Jorge, visivelmente emocionado após seu primeiro gol como profissional no Flamengo. (Foto: Flamengo Oficial)

Com o jogo muito pegado no decorrer da segunda etapa, Cristovão foi obrigado a mexer na equipe, saiu Cáceres, com um desconforto muscular e evidentemente bastante cansado, para a entrada de Márcio Araújo. Minutos depois, Éverton, que participou do gol, também pediu para ser substituído e deu lugar a Arthur Maia, que vem recebendo poucas oportunidades desde a chegada de CristovãoO Náutico acordou após o gol do Flamengo e chegou com bastante perigo ao gol de César, que fez duas defesas espetaculares. Após o abafa da defesa, aos 31 minutos, o Flamengo partiu em contra-ataque com Marcelo Cirino, que viu Guerrero livre dentro da área para marcar o segundo gol dele em dois jogos e o segundo do Flamengo na partida, sacramentando a classificação para as oitavas.

Após o gol, o Flamengo apenas administrou o resultado e manteve a posse de bola; para o Náutico, nada mais adiantava, já que o goleiro César estava numa noite fantástica. Aos 44, o Flamengo quase chegou ao terceiro gol após bela triangulação entre Canteros, Sheik e Guerrero, que não alcançou a bola.

O Flamengo está classificado para as semifinais da Copa do Brasil e aguarda o adversário, que sairá após sorteio. O time agora volta pro Rio de Janeiro, onde volta às atenções para o Brasileirão, onde recebe o Grêmio no sábado, às 18h30, no Maracanã. Jogo que também será marcado pela estreia de Paolo Guerrero diante da torcida Rubro-Negra.

FICHA TÉCNICA
NÁUTICO 0 X 2 FLAMENGO

Estádio: Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata (PE)
Data/hora: 15/7/2015 – 22h (de Brasília)
Árbitro: Claudio Francisco Lima E Silva (SE)
Auxiliares: Luis Carlos Camara Bezerra (RN) e Lorival Candido das Flores (RN)
Renda/público: Público: 16.744 presentes / Renda: R$ 566.355.
Cartões amarelos: Fillipe Soutto (NAU) e Cáceres, Jorge, Everton, Emerson Sheik, Pará, Marcelo Cirino (FLA)

GOLS: Jorge 5’/2ºT (0-1) e Guerrero 31’/2ºT (0-2)

FLAMENGO: Cesar, Pará, Marcelo, Wallace e Jorge; Jonas (Marcelo Cirino 33’/1ºT), Cáceres (Márcio Araújo 19’/2ºT), Canteros e Everton (Arthur Maia 27’/2ºT); Emerson Sheik e Guerrero. Técnico: Cristovão Borges.

NÁUTICO: Julio Cesar, Guilherme (Josimar 28’/2ºT), Flávio, Fabiano Eller e FIllipe Souto; João Ananias, Rogerinho (Renato 19’/2ºT), Marino e William Magrão; Douglas e Stéfano Yuri (Bergson 11’/2ºT). Técnico: Lisca.

 

@MRN_CRF

About The Author

ANÚNCIO

PRINCIPAIS POSTS

Apoio

ANÚNCIO

TV MRN

Loading...

Assine nossa Newsletter

ANÚNCIO

Ajude o Mengão!

Banner_300X300

ANÚNCIO

Siga-nos no Twitter

%d blogueiros gostam disto: