É, o Flamengo perdeu pro pior time do campeonato. Estamos na metade do ano, e o suor ainda não pingou na cara de ninguém. 29 de junho de 2015, 180 dias de um ano com o Flamengo nos dando motivos pra emputecimento. E a gente aqui, com o domingo perdido, acordando chateado na segunda e bradando pelas redes sociais inconformados com a atual fase da equipe.

Aí vem o começo da semana e você vai trabalhar. Mas e se você não produzir? Vai ser cobrado, né. Vão te colocar pressão. Cobrarão seu melhor desempenho, já que você recebe muito bem e nos dias certos, conforme combinado. Te pagam pra ver sua atuação. Provavelmente, se você passasse os seis primeiros meses do ano sem fazer absolutamente nada, já teria sido mandado embora.

Você, leitor, com o mínimo de vergonha na cara que um cidadão pode ter, não dando o retorno esperado pra quem te paga, ficaria incomodado, não dormiria direito, tentaria de tudo pra resolver essa situação, caso contrário, é seu emprego que está em jogo, e você tem família pra sustentar e ajudar.

Mas o que a gente vê hoje no Flamengo? Um bando, que não tá nem aí. Um bando sem vergonha na cara, que fica posando com Stella na mão distribuindo sorrisinho, que fica pela quadra da Tradição ou pelas boates da Barra, comprando sua cerveja com o dinheiro que o Clube dá, e muito dinheiro por sinal. E cadê a parte da produção? Cadê o retorno técnico? A gente paga e vocês fingem que jogam? É a lei de Vampeta retornando? As entrevistas pós jogo de ontem refletiram bem a atual situação. Poucos mostraram indignação, enquanto outros já deveriam estar pensando na programação do próximo final de semana, onde ia rolar a festinha e coisa e tal.

11200881_745131288928743_5180475838118599785_n

A farra desse bando de irresponsável que joga no nosso Flamengo hoje está sempre garantida. E eles não estão nem aí pra gente. Mas e a farra do torcedor? Quando o torcedor vai poder beber as suas Stellas pra comemorar uma atuação decente desse bando, que não mostra o mínimo tesão em jogar no Flamengo?


O que você observa nessa foto? Consegue enxergar alguém ali incomodado? Eu não. Consegue enxergar um desses aí indignado dentro de campo? Eu não. Esse é o retrato do Flamengo hoje, amigos. Viramos o CRF, Clube de Regatas da Farra. Onde cada um faz o que bem entende, e não é cobrado. O melhor lugar do mundo pra se trabalhar. Cervejinha, resenha, festinhas e uma peladinha por semana pra soltar a musculatura. Trote ladrão, irresponsabilidade e desleixo dentro de campo.

O problema não é o 10, não é o lateral, não é o zagueiro. O problema é a falta de vergonha na cara, é a falta de hombridade, e a falta de respeito ao Flamengo. Cabe ao clube tomar as devidas providências, pois nós estamos bem cansados.

E eu? Quando vou poder tomar minha Stella feliz?