QUEBRA_PAG

 

PAULO VICTOR: Pouco exigido, se precipitou na saída do gol do Goiás. Errou alguns tiros de meta que podiam trazer riscos ao gol do Fla. NOTA 5

PARÁ: Partida comum ao seu rendimento. Muito vaiado durante o jogo, mostrou a disposição que conhecemos. Participou de jogadas importantes no ataque, como o cruzamento que culminou com o segundo gol de Alan Patrick e sofreu a falta que Kayke marcou o quarto do Mengão. Na defesa usou de sua força física e velocidade para proteger seu lado. NOTA 7,5

CÉSAR MARTINS: Assim como o capitão Wallace não teve muitos problemas, já que o Goiás pouco produziu no ataque ao Rubro-Negro. Ao contrário do que sempre tenta fazer, dessa vez não se aventurou muito ao ataque. Falhou em um lance, mas que não levou perigo ao gol do Fla. NOTA 6,5

WALLACE: Atuação semelhante ao de seu companheiro de zaga. Porém com leve destaque nas antecipações. Com o fraco desempenho ofensivo do adversário, não precisou fazer esforço tão grande quanto faria contra times mais fortes. NOTA 6,5

JORGE: Mostrou o porquê de estar sempre figurando nas convocações da seleção olímpica. Com atuação digna dos grandes da sua posição mostrou qualidade na defesa a no ataque. Deu passe magistral para um dos gols do nosso camisa 27 e demonstrou tranquilidade nos lances de defesa. Poderia ser apontado como um dos culpados no gol do Goiás, mas estava fazendo cobertura e não teve como se antecipar a rápida cobrança de falta dos esmeraldinos. NOTA 8,5


MÁRCIO ARAÚJO: Jogou como aquele tão elogiado na sequência de vitórias do Mengão. Fez desarmes, buscou passes em profundidade e garantiu acertos nas bolas de sua obrigação. Mais uma partida pelo time. NOTA 7.

JAJÁ: Atuação mediana. Errou passes relativamente fáceis, porém teve boa movimentação. Precisa melhorar na marcação e qualidade do passe, mesmo que esse seja pra quem está do lado ou não tão longe. NOTA 6

AP JOGO MITO

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

ALAN PATRICK: Mais uma grande atuação do meia do Fla. Buscou o jogo no meio, tentou jogadas individuais, tabelas, finalizou, deu assistência, fez gols. Grande partida do camisa 19. NOTA 9

GABRIEL: Esforçado, fez boas jogadas pelas pontas, sempre revezando com Émerson Sheik as aparições na direita e na esquerda. Mas é visivelmente limitado tecnicamente. NOTA 6,5

EMERSON: Muita disposição como sempre, mas dessa vez jogando mais para o time. Teve boas chances em contra-ataques e quase marcou, porém o goleiro do Goiás fez excelente defesa, no rebote Gabriel quase marca. Sempre tentando lances de efeito, deu um lindo drible no jogador do Goiás por entre as pernas. NOTA 7

 

 

KAYKE: Grande contratação do Flamengo. Se movimentou pelo ataque inteiro, saiu da área pra buscar o jogo, fez ótimas infiltrações e, numa delas, marcou o primeiro de seus dois gols. Além de marcar mais um gol na bola aérea, como atacante de ofício. Atuação de luxo do número 27 do time Rubro-Negro. NOTA 9,5

OSWALDO DE OLIVEIRA: Parece ter sabido usar a turbulência como ingrediente motivador para o time. Montou o onde titular com características de inteligência e velocidade para envolver o Goiás e o fez com sucesso durante grande parte da partida. Fez mexidas inteligentes nesse jogo não permitindo que o time goiano buscasse qualquer reação no segundo tempo. NOTA7,5

JONAS: Entrou no lugar de Jajá para fortalecer a marcação no meio e surtiu efeito. Sempre forte no combate ajudou muito a turma lá de trás. NOTA 7

CANTEROS: Voltou ao time no lugar do cansado Alan Patrick para cadenciar a bola. Não fez muito ofensivamente, porém não trouxe problemas defensivos. NOTA 6

EVERTON: Retornou aos campos com muita disposição. Se movimentou bem, sempre do meio para a esquerda. Tentou jogadas pela linha de fundo e apareceu bem para finalizações. NOTA 6

 

 

Comente no Twitter (@MRN_CRF) ou na fanpage do MRN no Facebook (clique aqui).
Sua opinião faz toda diferença!


Raony Furtado faz parte da equipe MRN Informação e também escreve no Blog Urubu Matuto, da Plataforma MRN Blogs. Twitter: @UrubuMatuto

 

 

LEIA AS ÚLTIMAS DO MUNDO RUBRO NEGRO

Pós-Jogo: Sub-15 não resiste e perde para Nova Iguaçu

Flamengo x Goiás | Vencer ou vencer

A volta dos boêmios

Arbitragem: Juiz paulista apita Mengão x Goiás