Um dia após a informação de que o governo do Rio estudava realizar uma nova licitação, o consórcio do Maracanã está praticamente fechado para ser administrado pela empresa francesa Lagardère.



O contrato deve ser assinado nesta sexta-feira, após aval da matriz em Paris, no valor de R$ 60 milhões. Depois disso as empresas terão dois meses para concluir o inventário e finalizar a venda.

A Lagardère vai investir, ainda esse mês, R$ 20 milhões necessários para iniciar a recuperação do Maracanã.

O Flamengo reafirma categoricamente que não negocia com essa empresa. Sua parceira no negócio, a GL Events / CSM desistiu do processo. Segundo a presidência Rubro Negra, há incompatibilidade com os princípios do clube da Gávea com as empresas que compõem o consórcio.

O problema do Flamengo é com a BWA, empresa que durante anos foi parceira da Gávea para a venda de ingressos, com a ocorrência de diversos problemas. Em 2012, este Ninho da Nação cobrou o rompimento imediato com a BWA.

Em que pese a Lagardére afirmar que os Rubro Negros poderão mandar seus jogos e fazer toda operação da partida, inclusive a venda de ingresso, a diretoria Rubro Negra se recusa a negociar com os franceses.

Evidente que o Flamengo terá problemas se manter sua palavra até o fim. A Arena da Ilha tem capacidade de pouco mais de 20 mil torcedores. A venda do mando de campo está proibido nas partidas do campeonato brasileiro. O que restará ao clube, se não negociar pontualmente alguns jogos?

O Rubro Negro viu cair de R$ 43 milhões para R$ 39 milhões suas receitas no que tange a bilheteria de 2015 para 2016. E sem Maracanã, sem poder vender seu mando de campo e jogando para apenas 20 mil torcedores, vai sofrer para bater a previsão orçamentária de bilheteria.

A pressão será gigantesca para o Flamengo aceitar a proposta do franceses, sem contar as manobras ocultas e sujas que podem aparecer pelo caminho.

Já há informações de que o clube terá dificuldade em obter as licenças necessárias para regularização das obras. Ontem surgiu uma notícia na capa de esportes da Folha de São Paulo de que uma cratera foi encontrada no estádio da Ilha e que o local seria interditado. O que é uma falácia, pois o presidente da Portuguesa Carioca afirmou que em duas semanas estará tudo pronto.

André Amaral comanda há anos o Ninho da Nação, um dos blogs rubro-negros mais importantes da internet e publica alguns posts neste espaço em parceria com o MRN.

Siga-o no Twitter: @Ninhodanacao
Deixe seu comentário!


Este texto faz parte da plataforma de opinião MRN Blogs, portanto o conteúdo acima é de responsabilidade expressa de seu autor, assim como o uso de fontes e imagens de terceiros. O Mundo Rubro Negro respeita todas as opiniões contrárias. Nossa ideia é sempre promover o fórum sadio de ideias. Email: [email protected].

Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN


Outra forma de ajudar este projeto:
Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!