O Flamengo não jogará a partida de estreia na Libertadores da América 2017 em Brasília – e em nenhum outro lugar que não seja o Rio de Janeiro.



A ideia de que o Flamengo jogaria na Capital Federal causou muita polêmica, após matéria publicada no “Extra”, onde o jornalista Diogo Dantas especulou que o Flamengo mandaria o jogo contra o San Lorenzo, dia 8/03, no Estádio Mané Garrincha, com a finalidade de compensar possíveis perdas de arrecadação no Brasileiro deste ano depois que um conselho técnico de clubes proibiu que mandantes jogassem em outras cidades que não as suas de origem.

No entanto, o MRN apurou que o Flamengo não vai atuar fora do Rio de Janeiro, e que até sexta-feira será anunciado o local exato da estreia na competição mais importante do ano. O plano A com certeza é o Estádio Luso-Brasileiro, que continua com ritmo de obras acelerado, porém o prazo está muito apertado para o cumprimento das exigências do regulamento da Conmebol.

A outra alternativa pode ser um acordo de aluguel do Estádio Nilton Santos. As diretorias de Botafogo e Flamengo estão com relações rompidas, mas o presidente Carlos Eduardo Pereira sofre pressão interna de alguns conselheiros, que entendem que o incremento de caixa seria bem-vindo para as combalidas finanças alvinegras, que podem sofrer um baque ainda maior caso o time não se classifique para a fase de grupos da Libertadores – decide hoje à noite no Paraguai, diante do tradicional Olimpia.

Ainda em relação ao Nilton Santos, uma hipótese aventada é que o prefeito Marcelo Crivella tem feito esforços nos últimos dias para que o Flamengo possa usá-lo, principalmente neste momento em que a cidade assiste a uma indefinição com relação ao uso do Maracanã. Eduardo Bandeira de Mello se reuniu na última sexta-feira (17) com Crivella para discutir questões relacionadas ao Morro da Viúva.

A torcida do Flamengo, que iniciou nesta manhã uma campanha nas redes sociais protestando contra a possibilidade do jogo não ser realizado no Rio de janeiro, pode se acalmar. E os torcedores de outros estados do Brasil, que querem se organizar para assistir o tão esperado encontro com o time do Papa, podem ficar tranquilos para continuarem seu planejamento de viagem à Cidade Maravilhosa.


Atualização (13h45):
Uma velha conhecida alternativa e terceira opção de mando seria o Estádio da Cidadania, em Volta Redonda. O MRN não conseguiu, entretanto, nenhuma informação que levasse em conta essa hipótese. A distância entre o Rio e Volta Redonda excede os 100 quilômetros e precisaria de aprovação do San Lorenzo e comunicação à Conmebol com 10 dias de antecedência à data do confronto.

 


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN
 
Outra forma de ajudar este projeto:
Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.
Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!