(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Vai começar a Liga das Américas. Na próxima sexta-feira (29), às 21h15, o Flamengo entra em quadra em busca do segundo título da competição. O time, que vem embalado por nove vitórias consecutivas no NBB 8, quer manter a boa fase e passar com tranquilidade na primeira fase. Os adversários do grupo C serão Gimnasia y Esgrima, da Argentina, Aguilas de Tunja, da Colômbia, e Correcaminos de Colon, do Panamá. Os três duelos terão transmissão do SporTV e tempo real no twitter do MRN.

As partidas serão disputadas nos dias 29 (sexta-feira), 30 (sábado) e 31 (domingo) e neste ano, o primeiro destino é o Panamá, mais precisamente a capital, Ciudad de Panamá. O local dos jogos é a Arena Roberto Durán (ou Gimnásio Nueva Panamá), que capacidade para 12 mil pessoas.

A princípio, o Flamengo é o favorito, porque tem o time mais forte e mais rodado entre os três. O Correcaminos de Colón é uma equipe experiente e tem jogadores que já participaram de torneios internacionais, mas estão há pouco tempo juntos. O Águilas de Tunja é uma surpresa e vem renovado para a LDA. Já o Gimnasia y Esgrima é treinado por Gonzalo Garcia, último técnico do Fla antes de José Neto, é líder de seu campeonato e também pode surpreender.

Os onze jogadores do Flamengo inscritos na primeira fase da competição são: Rafa Luz e Gegê; Jason Robinson e Ronald Ramon; Marquinhos e Marcelinho; Olivinha, Rafael Mineiro e Mingau; Jerome Meyinsse e JP Batista.

Veja mais sobre os adversários do Orgulho da Nação:


Gimnasia y Esgrima de Comodoro Rivadavia

Em 1919, moradores da região de Chubut, em sua maioria espanhóis, fundaram o Club Gimnasia y Esgrima – hoje também chamado de Gimnasia Indalo devido ao patrocinador. Seu maior título é a conquista do principal campeonato argentino, a Liga Nacional de Básquet (LNB), na temporada 2005/2006.

Nesta temporada, a equipe comandada pelo ex-treinador rubro-negro, Gonzalo Garcia, lidera o campeonato argentino, a exemplo do FlaBasquete. Nicolás de Los Santos é a principal arma dos argentinos. O armador de 27 anos já teve passagens pelo basquetebol espanhol e tem médias muito boas na competição: 14, 2 pontos / 4,7 assistências e 4,1 rebotes.

Águilas de Tunja

Com apenas quatro anos de existência, a equipe colombiana chega para LDA 2016 após ter vencido a Liga Colombiana Apertura 2015. Com uma campanha equilibrada, os Tunjanos terminaram a fase classificatória em segundo lugar do seu grupo. Já nos Playoffs, o time foi mais consistente e sagrou-se campeão. Ao todo, o Águilas de Tunja fez 31 partidas, sendo 19 vitórias e 12 derrotas.

Totalmente renovados para a Liga das Américas, os colombianos contam com a volta do ala Michael Hinestroza, destaque do time no título do primeiro semestre de 2015, e apresentam como principal novidade a contratação de Bernardo González para o cargo de Diretor Técnico. González era treinador do Búcaros de Bucaramanga e foi campeão do Clausura 2015, torneio em que o Águilas acabou amargando a sexta posição.

Correcaminos Colón

O Correcaminos de Cólon é o anfitrião do grupo C da Liga das Américas. O time panamenho, atual campeão da Liga Profissional de Basquete (LPB), se reforçou para disputar o torneio continental. A primeira aquisição foi o treinador uruguaio, Marcelo Signorelli. Os norte-americanos Christopher Larry Mos e Reginard também chegaram para qualificar o elenco.

Veja mais: FlaBasquete no Panamá

JOGOS DA PRIMEIRA FASE DO GRUPO C:

29/01 – Flamengo (BRA) x Gimnasia y Esgrima de Comodoro Rivadavia (ARG)

Correcaminos Colón (PAN) x Águilas de Tunja (COL)

30/01 – Águilas de Tunja (COL) e Flamengo (BRA) 

Gimnasia y Esgrima de Comodoro Rivadavia (ARG) x Correcaminos Colón (PAN)

31/01 – Águilas de Tunja (COL) x Gimnasia y Esgrima de Comodoro Rivadavia (ARG)

Correcaminos Colón (PAN) x  Flamengo (BRA)


Luiza Sá, Bruno Vasconcellos, Bruno Vicente e Rafael Lisboa fazem parte da equipe MRN Informação.