Hoje o Flamengo recebe o Rio Claro, às 20h no Tijuca Tênis Clube, e o Mundo Rubro-Negro conversou com dois grandes jogadores do Orgulho da Nação, Olivinha e Marquinhos.

Por Rafael Lisboa - Para o MRN Informação

mrn inf

Mundo Rubro-Negro: Vocês têm sido os destaques do time nas últimas partidas, mesmo estando no final da temporada. Como vocês explicam essa “subida” quando a tendência natural é do corpo não aguentar esse ritmo?

Olivinha: Isso é fruto do trabalho diário que vem sendo feito durante os treinamentos. Acredito que, não só eu, como a equipe inteira, está muito bem fisicamente e estamos demonstrando isso nos últimos jogos. Fico muito feliz em ajudar o clube da melhor maneira possível a conseguir as vitórias. Vamos trabalhar muito para que seja assim até o final do campeonato.

Marquinhos: Temos de estar preparados mentalmente para cada partida. Independentemente de estarmos no fim da temporada, nosso principal objetivo é ganhar os campeonatos. Por mais que em alguns momentos estejamos cansados, temos de estar preparados mentalmente e concentrados, e eu procuro estar sempre assim. Isso pode fazer a diferença para buscarmos o tricampeonato do NBB.

Mundo Rubro-Negro: O que esperar desse jogo contra a equipe do Rio Claro, que é a penúltima colocada do Novo Basquete Brasil?

Olivinha: A equipe do Rio Claro, apesar de estar lá embaixo na tabela, vai querer fazer um bom jogo para conseguir uma vitória que será importante para a sequência deles no campeonato. O time deles é experiente e conta com bons arremessadores de três pontos, então teremos que tomar muito cuidado nesse fundamento. Temos que fazer uma boa defesa para sairmos com a vitória.


Marquinhos: O Rio Claro será um adversário difícil, pois joga sem pressão alguma, já que não tem mais pretensões no campeonato. Temos de estar ligados ofensiva e defensivamente para nos mantermos em terceiro (Com a derrota do Mogi ontem, o Flamengo garantiu a terceira posição), entre as cabeças, e buscarmos nosso objetivo de chegarmos bem nos Playoffs. A ideia é de estarmos sempre, não só nessa partida, muito ligados.

Mundo Rubro-Negro: Por favor, convoque a Nação à comparecer ao Tijuca Tênis Clube hoje, para apoiar vos.

Olivinha: Gostaria de convocar toda a Nação rubro-negra a comparecer no Tijuca, hoje, para apoiar a nossa equipe na busca por mais uma vitória no NBB. A presença da torcida faz toda a diferença.

Marquinhos: Nossa torcida sempre apoia a gente e espero que contra o Rio Claro e Limeira não seja diferente. Fica aqui meu pedido para que a Nação nos apoie, não só nesses últimos dois jogos, mas também nos Playoffs, quando vencer em casa se torna ainda mais importante.