Num segundo tempo excepcional, Flamengo vence a quarta seguida

Por Thiago Huriel - Twitter: @Thi_Huriel - Para o MRN Informação
Nico jogou demais!

Nico jogou demais!

Com uma ótima atuação do Laprovittola, Flamengo conseguiu uma virada sensacional contra o Pinheiros fora de casa. O armador argentino fez de tudo na partida, deu arremessos precisos de três pontos, assistências e roubadas de bola. O atual campeão do NBB teve muitas dificuldades na partida, especialmente no 1° quarto e o 2° quarto quando ficou atrás do marcador, mas no segundo tempo o rubro negro conseguiu se recuperar com muita raça e técnica. Outros jogadores do Fla que se destacaram na partida foram Marquinhos com 13 pontos e 5 rebotes, Herrmann com 12 pontos e quatro rebotes, Olivinha com 12 pontos e o jovem Felício que fez 10 pontos e teve 7 rebotes. Já pelo lado do Pinheiros, se destacaram o Jason Smith com 16 pontos e Felipe que fez 13 pontos e pegou 5 rebotes.

Com a vitória, o orgulho da nação terminou em 3° lugar com 21 jogos, 15 vitórias e 6 derrotas. Já o Pinheiros terminou em 11° colocado com 21 jogos, 9 vitórias e 11 derrotas e tenta a recuperação contra o Macaé na quinta feira ás 19H no ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim.

O Jogo

Pinheiros mostrou sua força no ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim e dominou totalmente o 1° Quarto. Com uma defesa forte e uma atuação de galã dos alas Ted Simões e Jason Smith e com um contra-ataque eficaz, Pinheiros terminou o primeiro quarto vencendo por 21×14. O Pinheiros se manteve forte no 2° Quarto e abriu vantagem de 10 pontos com uma bola de três de Jason Smith pela primeira vez no jogo(29×19). O Flamengo deu uma acordada, tentou reagir com Felício que até acertou uma ponte aérea, mas o time paulista mantinha uma boa atuação e a vantagem não diminuía. Com a partida nervosa, os dois treinadores foram punidos com falta técnica por reclamação. Os donos de casa diminuíram o ritmo nos dois minutos finais e viram o Fla tirar oito pontos de vantagem com três pontos do argentino Laprovittola e com o Olivinha que acertou a cesta e sofreu a falta, acertando os dois lances livres e o intervalo ficou: 38×36.

A parada pro segundo tempo não ajudou o Pinheiros e a equipe paulista viu o Flamengo sair na frente no 3° Quarto com o armador Argentino Nico acertando um arremesso de três (39×38). Os donos de casa voltaram a pontuar, mas deixaram espaço para o Fla que aproveitou e abriu  uma vantagem mais confortável(53×44), e com a grande atuação do armador  Argentino rubro negro. O Pinheiros tentava se encontrar na partida, mas outro hermano do Flamengo apareceu na hora certa: o pivô Herrman. Os dois gringos deixaram o rubro negro com uma boa vantagem para o 4° quarto: 64 a 53. No último quarto, os donos de casa tentaram equilibrar a partida, mas com o espaço que o time Paulista deixava um quarteto importante do Fla apareceu pra definir o jogo: Olivinha, Felício, Gegê e Laprovittola. Que acertaram seus arremessos para levar a vantagem de 15 pontos. Sem forças, Pinheiros colocou em quadra seus reservas que não conseguiram conter o ritmo do rubro negro e perdeu por 89×68. Uma ótima vitória do orgulho da nação, que aos poucos vão encontrando seu melhor jogo!


O Flamengo volta a jogar nesta quinta feira, 20:00 contra o Palmeiras no ginásio Palestra Itália, mais uma fora de casa. E o MRN vai te deixar informado de tudo.

 

Equipes e Pontuações

 

Pinheiros: Campos (3), Morro (2), Joe Smith (7), Jason Smith (16), Toledo (8), Lucas Dias (0), Georginho (1), Humberto (0), Felipe (13), Kurtz (2), Ted Simões (11) e André Bambu (5). Técnico: Marcel de Souza.

 

Flamengo: Herrmann (12), Danielzinho (0), Laprovittola (27), Benite (4), Chupeta (0), Marquinhos (13), Olivinha (12), Gegê (5), Felício (10), Mingau (0) e Meyinsse (6). Técnico: José Neto.

 

1° Quarto – (Pinheiros 21×16 Flamengo)

2° Quarto – (Pinheiros 17×20 Flamengo)

3° Quarto – (Pinheiros 15×28 Flamengo)

4° Quarto – (Pinheiros 15×25 Flamengo)

.

(Foto: Site oficial LNB)