No último compromisso antes da viagem para a Venezuela, o FlaBasquete foi até Caxias do Sul (RS) enfrentar o Caxias do Sul pelo NBB 8. Buscando se isolar ainda mais na liderança da competição o técnico José Neto mandou a quadra o seguinte quinteto: Rafael Luz, Marquinhos, Jason Robinson, Olivinha e JP Batista. Já pelo lado gaúcho, o técnico Rodrigo Barbosa escalou o seguinte quinteto buscando se afastar das últimas posições: Gustavinho, Betinho, Stabile, Marcão e Guto.



A partida começou com domínio do Rubro-Negro que chegou a abrir 8 a 2, mas permitiu que a equipe gaúcha reagisse até empatar a partida após uma corrida de 6 a 0, em duas bolas de três. A partir disso, o ala Marquinhos chamou a responsabilidade e conduziu a equipe a fazer dez pontos consecutivos, abrindo 18 a 8 e forçando o pedido de tempo de Rodrigo Barbosa. Após o tempo, o Mais Querido aumentou ainda mais a diferença no placar, 27 a 13, após uma bola de três de Gegê que entrou no lugar de Rafa Luz no fim do quarto. O Caxias tentou reagir, mas o FlaBasquete continuou com uma grande vantagem e terminou o período ganhando por 28 a 15. Os destaques do quarto foram Marquinhos (FLA) com 9 pontos, JP Batista (FLA) com 8 pontos e Olivinha (FLA) com 6 pontos e 5 rebotes.

No segundo período, novamente a equipe carioca começou melhor e abriu rapidamente a sua maior vantagem na partida, 32 a 15, forçando outro tempo de Rodrigo Barbosa. Após o tempo, Marcelinho acertou uma linda bola de três para abrir vinte pontos de frente, 35 a 15, mas Betinho liderou uma tentativa de reação da equipe gaúcha, que cortou o placar para 39 a 24. No fim do quarto o tetracampeão do NBB chegou a abrir vinte e um  pontos de frente, mas foi para o intervalo ganhando por dezenove, 50 a 31 (Fla 22 a 16 no período). Os destaques do quarto foram Marcão (CAX) com 3 rebotes e Olivinha (FLA) com 6 pontos.

Na volta do intervalo o terceiro quarto foi o mais equilibrado, com o Caxias tentando a todo custo voltar para a partida mas o rubro-negro não deixava, mantendo a vantagem em vinte pontos, 60 a 40, forçando mais um tempo de Rodrigo Barbosa. Após o tempo, Marquinhos e Marcelinho Machado ampliaram a vantagem para vinte e cinco pontos, 68 a 43, e os gaúchos só tiveram tempo para marcar mais dois pontos mas não foi o suficiente para impedir que o Mengão fosse pro último quarto com uma enorme vantagem, 68 a 45 (Fla 18 a 14 no quarto). Os destaques do quarto foram Stabile (CAX) com 7 pontos, Marquinhos (FLA) com 7 pontos, JP Batista (FLA) com 3 rebotes e Rafa Luz (FLA) com 3 rebotes e 4 assistências.

No período final, os comandados de José Neto começaram com tudo e imprimiram uma corrida de 4 a 0, abrindo 72 a 45, mas a equipe gaúcha não se rendeu e respondeu com uma corrida de 8 a 2, diminuindo o placar para 74 a 52. O Caxias continuou reagindo e chegou a cortar a diferença para catorze pontos, 89 a 75, mas nada que ameaçasse a 19ª vitória rubro-negra e a liderança isolada no Novo Basquete Brasil 8. Flamengo 97 x 80 Caxias do Sul

O próximo compromisso do Orgulho da Nação é no dia 11/03 às 18h45min contra o Bauru em Barquisimeto (VEN) pelo Final Four da Liga das Américas. A partida terá transmissão do SporTV e tempo real do @MRN_CRF .

Destaques do Flamengo:

Pontos: Olivinha com 29 pontos

Rebotes: Olivinha com 12 rebotes


Assistências: Rafael Luz com 8 assistências

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!