Apesar do adiamento da última rodada do Campeonato Brasileiro, e consequentemente do início das férias dos jogadores e possivelmente do início da pré-temporada em 2017, o CEO da Primeira Liga, José Sabino, disse ao MRN que a data prevista para o começo da competição está mantida.

A tabela da Primeira Liga, divulgada na semana passada, prevê a primeira rodada no dia 22 de janeiro e a segunda rodada no dia 25 de janeiro, antes do início do Campeonato Carioca. Com o adiamento da última rodada, porém, os jogadores teoricamente só voltariam ao trabalho no dia 12 de janeiro, o que levou o Flamengo, inclusive, a estudar desistir da participação na Florida Cup, na qual tem amistosos marcados para o próprio dia 12 e o dia 15.

Questionado pelo MRN se o Flamengo ou algum outro clube o havia procurado para propor uma mudança de datas, Sabino respondeu:

– Não, porque não existem outras datas. Em princípio, as datas da Liga estão mantidas.

A recusa da CBF de incluir a Primeira Liga no seu calendário oficial de competições fez que o torneio tivesse que ser incluído em brechas no calendário, principalmente datas FIFA. A final está prevista somente para outubro. A competição de 2017 terá a participação de 15 clubes – inclusive a Chapecoense.


O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN
Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.
– Outra boa forma de ajudar o site é efetuar compras ou mesmo pesquisas de compras através dos anúncios Adsense Google vinculados nas páginas.

Por que ajudar?
Todo o dinheiro arrecadado é usado no próprio site. Acreditamos na construção coletiva, no processo colaborativo entre leitores, apoiadores e colaboradores. Ao virar um apoiador você começa a fazer parte dessa construção coletiva também.
Nossos maiores custos atuais:
1. Transporte e alimentação em coberturas de campo;
2. Planos de telefonia e internet;
3. Custos diversos com equipamentos;
4. Impulsionamento de postagens em redes sociais.
Metas para 2017:
1. Cobertura in loco de todos os esportes em eventos na Gávea;
2. Cobertura in loco dos treinos do time profissional;
3. Compra de equipamentos de audiovisual, softwares e treinamentos;
4. Produção de reportagens e outro projetos de conteúdo em vídeo;
5. Produção de reportagens e outros projetos de conteúdo em podcasts;
6. Fortalecimento profissional das equipes MRN Informação e MRN Blogs.