O Conselho Deliberativo (CoDe) aprovou na noite desta quinta-feira os contratos de televisionamento do Campeonato Carioca e da Primeira Liga com a Globo.

Pelo contrato do Campeonato Carioca, o Flamengo receberá R$ 15 milhões anuais até 2019. O dinheiro entrará diretamente nos cofres do clube, não passando pela Ferj, como acontecia até agora.

O clube ainda estima uma arrecadação anual de R$ 1,5 milhão com a venda de placas de publicidade, mas isso ainda depende de a Justiça confirmar a liminar que proibiu a Ferj de negociar as placas nos jogos do Flamengo. O baixo valor chama atenção – como o MRN revelou recentemente, no processo que move contra a Ferj, a agência Sportplus, que detém o contrato para negociar as placas, anexou um acordo com o supermercado Guanabara cobrando exatamente esse valor por apenas dois dos 25 espaços negociados no último campeonato.

ferj-placas-campo-guanabara

ferj-placas-guanabara-valores

Já o contrato com a Primeira Liga renderá ao Flamengo um valor fixo de R$ 2 milhões anuais. O valor pode aumentar com premiações caso o time avance às fases decisivas – o campeão embolsa outros R$ 2,4 milhões.

Um slide mostrado aos conselheiros e que circulou pelo Twitter ainda mostra um quarto valor, de R$ 660 mil reais. Isso provavelmente faz referência a um acordo paralelo com a Globo para investir na Arena da Ilha.

orcamento-televisao

Como não tinha fechado acordo com a Globo, o Flamengo não previu ganho nenhum com a venda de direitos do Estadual. Isso significa a entrada de ao menos R$ 15 milhões extras no orçamento do clube, que podem ser usadas na negociação de jogadores, a começar pelo atacante colombiano Orlando Berrío.
slide code

 
 
O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN

Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.