O pontapé inicial para as comemorações de 120 anos do clube mais popular do Brasil será dado nessa sexta-feira, dia 10.


Diogo Almeida | Twiiter @DidaZico


 

mrn infA Casa da Moeda do Brasil, instituição centenária responsável por atender à demanda de fabricação de moedas no país uniu-se ao Clube de Regatas do Flamengo e vai confeccionar medalhas comemorativas ao centésimo vigésimo ano de raça, amor e paixão do clube mais representativo da cultura brasileira.

E para falar sobre a parceria e os processos de desenvolvimento, manufatura, vendas e outras curiosidades, o nosso clube promove uma coletiva hoje com presença do vice-presidente geral do Flamengo, Walter D’Agostino, e Paulo Ricardo Mattos Ferreira, diretor de Cédula e Moedas da Casa da Moeda.

A marca comemorativa foi escolhida através de votação popular pela internet, com torcedores do Mais Querido do Mundo. Serão produzidos cinco modelos diferentes da peça. No total, serão cunhadas 30 mil unidades, divididas da seguinte forma:

15 mil medalhas de bronze, que custarão R$ 80
10 mil medalhas de bronze resinadas, que custarão R$ 125
3.500 medalhas de bronze dourado resinadas, que custarão R$ 250
1.250 medalhas de prata resinadas, que custarão R$ 355
250 medalhas de ouro, que custarão R$ 26.200


As vendas começam em novembro, mês em que o clube completa 120 anos de história.

 

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

SIGA A GENTE NO TWITTER