Na tarde desta segunda-feira (19), a Confederação Brasileira de Futebol anunciou através de seu site oficial a renovação com as Organizações Globo para a transmissão da Copa do Brasil.

Entre o período 2018-2022 a empresa terá exclusividade em todas as plataformas – TV aberta, TV por assinatura (SporTV) e Internet (Globoesporte.com). Diferente do que acontece no Brasileirão Série A, é a CBF a encarregada de fechar os acordos de transmissão da Copa do Brasil.

O novo acordo ultrapassa 300 milhões por ano, incluindo premiações, cotas e a logística da competição para os clubes. Com a nova premiação, o vencedor do torneio receberá R$ 50 milhões pelo título, enquanto que o vice-campeão ficará com R$ 20 milhões, os semifinalistas R$ 8 milhões e R$ 4 milhões aos que chagarem nas quartas de final. Considerando que o campeão participe desde a primeira fase o prêmio pode chegar até R$ 68,7 milhões.

Com esses valores, a Copa do Brasil torna-se a principal competição em termos de premiação a partir de 2018. Para se ter uma noção, o Palmeiras campeão do Brasileirão desta temporada recebeu R$ 17 milhões e o Grêmio, campeão da Copa do Brasil ficou com $ 10,74 milhões.

– É um acordo histórico que valoriza muito a competição, em especial a participação dos clubes, que receberão cotas e premiações recordes em termos de América do Sul. O valor contratado alcança a expressiva marca de R$ 2,5 milhões, em média, por partida realizada. O montante que será pago ao campeão, por exemplo, pode equivaler a mais de um terço da receita anual de 14 dos 20 clubes da Série A do Brasileirão. Com certeza teremos uma competição renovada e eletrizante – declarou ao site da CBF Rogério Caboclo, diretor-executivo de gestão da CBF, sobre o novo acordo.


O Flamengo já conquistou a Copa do Brasil em três oportunidades: 1990, 2006 e 2013. Na primeira conquista o Rubro-Negro foi campeão de forma invicta batendo o Goiás na decisão. Em 2006 a final foi diante do Vasco em dois jogos que agitaram o Maracanã. O Maior do Mundo também foi palco do último triunfo do Flamengo na competição, em 2013. Na oportunidade, o Mais Querido venceu o Atlético-PR por 2 a 0 e foi o primeiro time a comemorar um título no novo Maracanã.

 Crédito imagem destacada: Rafael Ribeiro/ CBF 
O que você pensa sobre isso?


Vire Apoiador do MRN: entenda melhor clicando nesse nesse link: bit.ly/ApoiadorMRN

Outras formas de ajudar este projeto:
– Nosso site faz parte do plano de afiliados do Nação, o programa de sócio-torcedor do Flamengo. Se você clicar em bit.ly/STdoMRN e aderir ao programa, ou até mesmo renovar seu atual plano, o Mundo Rubro Negro ganha 50% da sua primeira mensalidade.