Por Adriano Melo (Twitter: @Adrianomelo72)


Saudações flamengas a todos!

Ultimamente, em algumas pesquisas que ando fazendo, tenho me deparado com uma série de bobagens, que a facilidade de acesso aos meios digitais ajuda a disseminar como praga.

Os argumentos subjetivos não me incomodam, mas a forma como a realidade dos fatos é espancada merece, sim, algum tipo de réplica.

Isso me motivou a criar uma série, onde alguns mitos serão analisados e devolvidos a essa condição. Sei que a maioria já conhece as histórias, mas é sempre bom deixar registrado.

Boa leitura.

 

CAÇANDO MITOS – PARTE 1

CAMPEONATO MUNDIAL INTERCLUBES 1981

LENDA 1

O Flamengo enfrentou uma galinha morta na Final. Além disso, o Liverpool jogou com um time misto.

OS FATOS

O Liverpool era o mais temido, mais respeitado e melhor equipe da Europa, tendo construído uma hegemonia continental que dificilmente será igualada. Foi Campeão inglês em 1976, 77, 79 e 80, Campeão da UEFA em 1976 e Campeão Europeu em 1977, 1978 e 1981 (ganharia de novo em 1984).

Conhecido como Red Army, foi um dos maiores esquadrões europeus da história, como o Real Madrid dos anos 50, o Ajax da década de 70, a Juventus dos 80’s e o Barcelona dos tempos mais recentes. E nas finais daquele Europeu de 1981, passou pelo Real Madrid e pelo badalado Bayern Munique de Breitner e Rummenigge, base da seleção alemã campeã européia.

Mais detalhes, nesse post AQUI.

Ou seja, a galinha estava longe de ser morta. Era bem viva. Vamos ao ponto seguinte, a escalação.

Essa é fácil. É só comparar a formação do Liverpool na final da Copa dos Campeões da Europa (hoje Champions League) com a usada no Mundial.

Escalação Liverpool 1-0 Real Madrid (Final Copa Campeões Europa): Clemence; Neal, Thompson, Hansen, A.Kennedy; Lee, McDermott, Souness, R.Kennedy; Dalglish, Johnson

Escalação Flamengo 3-0 Liverpool (Mundial): Grobbelaar; Neal, Thompson, Hansen, Lawrenson; Lee, McDermott, Souness, R. Kennedy; Dalglish, Johnson

Há apenas duas mudanças. O lateral-esquerdo Alan Kennedy estava contundido e não foi ao Japão. E o goleiro Clemence não atuava mais no clube, havia se transferido para o Tottenham no meio do ano. Ou seja, o Liverpool atuou com todas as estrelas (Souness, Dalglish, McDermott) em campo. Só um desfalque.

Ou seja, nada de cascata de time misto. Lamento, não procede.

Esclarecido que o Flamengo passou o carro em um dos melhores times europeus da história, e que esse time atuou completo, vamos à próxima falácia.

Lenda 2

O goleiro do Liverpool deu entrevista dizendo que entregou o jogo. A Toyota, inclusive, cogitou declarar o título de 1981 vago. Ou seja, campeonato roubado.

A origem dessa presepada está em uma denúncia feita pelo tabloide The Sun, onde o goleiro Grobbelaar é acusado de ser subornado para facilitar alguns resultados no Campeonato Inglês (casas de apostas). O goleiro foi denunciado e absolvido, mas ao tentar processar o jornal não conseguiu provar que a reportagem era uma fraude, o que manteve sua reputação, digamos, manchada.

E o Flamengo com isso?

Grobbelaar entregou? pffff Foto: Reprodução

Grobbelaar entregou? pffff
Foto: Reprodução

É que o site de humor cocadaboa.com¹ viu nessa história um bom mote para uma brincadeira e criou essa reportagem AQUI, legal pra dar risada e descontrair.

Só que é aquilo. Falou mal do Flamengo, virou verdade. As arco-irisetes ensandecidas se crisparam e se arrepiaram, e logo os blogs de “Flamídia”, “Dossiê Flamengo”, “Fla Globo” começaram a pipocar suas verdades. Até um jornal de Pernambuco (de onde? Ah, tá) repercutiu a nota como real (esses estagiários…).

Enfim, a piada virou verdade e até hoje aparece gente enchendo a boca pra requentar a história.

O FATO é que o mitológico time do Liverpool esteve muito perto da glória suprema. Mas em seu caminho estava o Flamengo.


 

No próximo capítulo da série vamos caçar as lendas inventadas da Taça Libertadores de 1981.


Publicado originalmente no blog FlamengoNet. Autorizado pelo autor a reedição no MRN. LINK
Imagens: Reprodução
1- O site cocadaboa.com não está sendo atualizado.
Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!