z5myUm_q

 

Neste sábado (02.04) começou o Campeonato Carioca para as categorias Infantil e Juvenil. Como de costume, houve rodada dupla ( categoria Sub-15 e Sub-17 jogando no mesmo dia, estádio e contra o mesmo adversário). O Flamengo iniciou sua trajetória na competição com o pé direito, vencendo a Portuguesa da Ilha, nas duas categorias, no estádio Luso Brasileiro.

O Mengão Sub-15 não tomou conhecimento da Lusa, e goleou por 4 x 1. Os gols rubro-negros foram marcados por Yuri, Rian, Micael e Artur. A próxima partida do Flamengo será contra o Goytacaz, (09.04), às 15h, na Gávea.

Embalado pela vitória conquistada na última quarta-feira (1 a 0 sobre o Náutico pela Copa do Brasil Sub-17), o time juvenil também venceu a Portuguesa. O gol da partida foi marcado por Davi. A equipe comandada pelo treinador Gilmar Popoca volta a campo pelo Carioca próximo sábado, na Gávea, diante do Goytacaz. Antes disso, enfrenta o Náutico no segundo jogo da primeira fase da Copa do Brasil Sub-17. Qualquer empate classifica o Flamengo. Derrota pelo placar mínimo leva a partida para os pênaltis e derrota por um gol de diferença, o rubro-negro avança.

Juniores lutam até o último minuto mas não evitam derrota para o Botafogo na semifinal da Taça GB Sub-20

 

Flamengo na Gávea

Jogadores foram aplaudidos no final da partida. Foto: MRN

Jogando diante de sua torcida que compareceu em bom número a Gávea, o time juniores do Mengão não conseguiu derrotar o Botafogo no primeiro jogo da semifinal da Taça Guanabara Sub-20, neste sábado. O Flamengo terá agora que reverter a vantagem alvinegra para avançar à decisão.

Flamengo: João Lopes; Thiago Ennes, Denner, André Baumer e Arthur Bonaldo; Hugo, Kleber (Daniel) e Sávio (Allan); Patrick, Gabriel Ramos (Trindade) e Lucas Silva.


 

Apesar da formação ofensiva, o Flamengo iniciou a partida tomando sufoco do Botafogo. A equipe alvinegra já ameaçava a meta defendida por João Lopes antes mesmo de marcar o primeiro gol da partida, anotado por Hugo, contra. O volante do Mengão tentou cortar um cruzamento rasteiro mas acabou desviando contra o próprio patrimônio. Após a parada técnica, o time de Zé Ricardo melhorou o seu desempenho e buscou o empate, que só saiu aos 41 minutos por causa da ótima atuação do goleiro Victor Hugo. Patrick empatou a partida aproveitando a bola que sobrou após uma dividida de Gabriel Ramos com dois defensores botafoguenses.

Percebendo a dificuldade do Flamengo em trabalhar jogadas no meio campo, o técnico Zé Ricardo voltou para a segunda etapa com uma alteração. O meia Gabriel Ramos, que improvisadamente jogou com a camisa 9, foi substituído por Matheus Trindade. Novamente o Botafogo começou melhor, o Flamengo, porém, se recuperou e teve três ótimas chances para virar a partida. 1- Saída errada do Botafogo, Matheus Sávio arrancou no meio campo e chutou de fora da área. O arqueiro do Bota fez uma defesa sensacional; 2- Arrancada de Lucas Silva pela esquerda, o jogador limpou a marcação e chutou rente a trave; 3- Lucas Silva arrancou pela esquerda, o atacante tocou para Sávio que devolveu para Lucas, o atacante arriscou, o goleiro deu rebote e Patrick chutou pra fora.

O Botafogo chegava através de contra-ataques. Numa das subidas do time de General Severiano ao ataque, o Flamengo cedeu escanteio. O córner foi cobrado, a zaga do Mengão saiu mal e no bate e rebate a bola sobrou para Lucas Campos desempatar a partida. O Mais Querido continuou pressionando. Daniel dos Anjos e Trindade tiveram ótimas chances para empatar, mas o goleiro Victor Hugo defendeu milagrosamente.

Com o resultado adverso, não resta outra alternativa ao Flamengo que não seja vencer a próxima partida. O jogo está marcado para quarta-feira (06.04), às 15h, no estádio Caio Martins, em Niterói. Vitória do Fla por um gol de diferença leva a partida para os pênaltis. Diferença  por dois ou mais gols dá a classificação ao Rubro-Negro.


 

Foto principal: Paulo Galante. Bruno Vasconcellos e Levir Marques fazem parte da Equipe MRN Informação. Twitter: @BruNoCellos93 e @LevirCRF