Pelo 4° ano consecutivo, Fla estreia no campeonato brasileiro sem vitória. A última foi em 2011 contra o Avaí, em Macaé, por 4×0 e com show de Ronaldinho

0bf35_3b7708

Paulo Victor: 6,5 – Fez 2 milagres. Um em cada tempo, mas nada pôde fazer quando viu Luís Fabiano e Alexandre Pato cara a cara dentro da área.

Pará: 5,5 – Sem apoiar no ataque, ainda conseguiu deixar buracos na defesa. São Paulo chegava sempre com perigo quando atacava pela esquerda.

Bressan: 5 – Daria certo no futebol inglês nos tempos de outrora. É chutão pra frente durante 90 minutos.

Wallace: 7 – Ainda não tinha jogado bem durante o ano todo, mas hoje foi perfeito em quase todos os lances. Desarmes precisos e roubadas de bola o salvaram de tirar uma nota ruim como o resto do time.

Pico: 6,5 – Bom jogo do nosso lateral esquerdo hoje. Destaque para a caneta que deu em Hudson no primeiro tempo, e pra tirada de bola em cima da linha no segundo.

Jonas: 7,5 – O melhor do Flamengo em campo. Não desiste de nenhuma bola, tem raça e ganha a maioria das disputas com o adversário. E ainda sabe sair jogando. Mais uma boa partida do Xwain.

Canteros: 4 – Um dos piores do flamengo em campo. Péssimo na marcação, inútil no ataque. Partida pra ser esquecida pelo argentino.

Almir: 4 – Luxemburgo lançou Almir como titular, deixou Arthur Maia no banco, e surpreendeu na escalação. Mas de nada adiantou. Almir não apareceu pro jogo, e só foi visto na hora de ser substituído.

Everton: 5 – A nota é simbólica por conta do gol que fez. Sem o gol, teria a pior nota da partida. Errou tudo que tentou. Teve chance cara a cara com Ceni, e finalizou fraco. Foi pego em impedimento pelo menos 4 vezes. Não acertou um cruzamento.

Gabriel: 5 – Também teve chance cara a cara com Rogério Ceni e não colocou no fundo da rede. Nossos atacantes aprenderam rápido com o Deivid.

Cirino: 4 – Caiu de produção. A maior contratação do Flamengo do ano não estreou bem pelo principal campeonato nacional. Queria mais cavar falta, do que jogar bola.

Mugni: 4 – Entrou no jogo no segundo tempo, e nada fez pelo Flamengo. Errou o passe que acabou no 2° gol do São Paulo.

Arthur Maia: 5 – Entrou e tentou dar ânimo ao time do Flamengo com movimentação. Mas não adiantou. No último lance do jogo, deu um chute bisonho na bola.

Eduardo Da Silva: Sem nota.