Nessa última rodada, após o empate com o Botafogo, o Flamengo perdeu a segunda colocação.

Chegamos agora a uma série de 4 jogos sem vencer, com uma derrota e 3 empates, conquistando apenas 3 pontos de 12 possíveis, um aproveitamento nas últimas rodadas pior até mesmo do que o do América-MG, nosso próximo rival e time que já se encontrava virtualmente rebaixado duas semanas antes do começo do campeonato.



Com o Palmeiras a sete pontos de distância e faltando 4 rodadas para o fim do campeonato, apenas dois cenários possíveis se desenham. Um deles é um cenário provável e racional. O Flamengo já cansado e sem fôlego que estamos acompanhando segue indo aos trancos e barrancos, belisca uma vitória contra um adversário mais fraco, arranca um empate fora, uma vitória dentro, termina em segundo ou terceiro colocado, em algumas semanas estou aqui escrevendo um daqueles textos balancetes sobre quem deve ficar e quem deve sair pra 2017 e ele começa com “Chiquinho nunca mais e se o Gabriel ficar é melhor me darem uma surra logo”.

E claro, tem o segundo cenário. O improvável. O virtualmente impossível. Aquele que o flamenguista racional nega, o torcedor não comenta com a família, se a reportagem do globo esporte te parar na rua você vai dizer que nem conhece. É aquele cenário em que certa manhã após acordar de sonhos intranquilos, o Clube de Regatas Flamengo encontra-se em seu CT metamorfoseado em um time monstruoso, talvez aquele mesmo de algumas rodadas atrás.

Um time que não depende apenas do Diego pra fazer a bola correr, um time que é decisivo na hora de decidir, um time que dos 12 pontos disponíveis só não vai ganhar 13 porque tudo que a gente não precisa é de mais confusão nesse campeonato. Um time onde o técnico mexe bem, um time onde Emerson Sheik só entra pra somar, um time onde Márcio Araújo faz o gol decisivo do título porque o Flamengo tem uma tradição de transformar em heróis os mais sofridos carregadores de piano. Um time cuja simples presença moral faria Cuca se sentir ainda no Botafogo e voltar a perder aqueles pontos que esse Palmeiras de hoje em dia parece incapaz de desperdiçar.

Eu acredito num cenário em que o Palmeiras perde 12 pontos, o Flamengo faz 12, o Santos tropeça e o Atlético-MG decide focar é na Copa do Brasil? Não vou sair por aí dizendo que acredito totalmente claro. A gente tem família, a gente tem amigos, as pessoas vão começar a fazer perguntas. Mas eu vou negar que tem um lado meu, um lado bem pequenino, aquela parte primitiva do cérebro, que diante de uma vitória quarta-feira e de um empate do Palmeiras, vai voltar a sonhar? Eu estaria mentindo se falasse que não. Como um teste de fidelidade do João Kléber, o título do Flamengo agora é aquela coisa que é complicado ser real, as pessoas ao seu redor claramente não acreditam, mas você não consegue deixar de pensar que o mundo seria mais divertido se fosse verdade.

 

Twitter: @joaoluisjr

Leia também do Blog Último Homem:
Um péssimo bom resultado ou um ótimo resultado ruim
Ficando longe do fato de já estar meio que longe de tudo
Não tem dia comum no Flamengo

Apoie o MRN contribuindo mensalmente com o nosso projeto: a partir de 1 real! Clique em bit.ly/ApoiadorMRN


Siga-nos no Twitter: twitter.com/MRN_CRF
Curta nossa página: facebook.com/M.RubroNegro
Instagram: Instagram.com/mrn_crf
Canal do YouTube: MRN TV
Whatsapp: 21 98917.4639
 

Seja Apoiador do Mundo Rubro Negro! Você participa do grupo de Whatsapp exclusivo e concorre a uma camisa oficial do Flamengo autografada por todo o elenco do time de futebol. Clique no banner!

apoia.se mrn

 

Seja Sócio Torcedor

 

Sócio-Torcedor

 

Procurando uma hospedagem com atendimento personalizado?

Euler

Seja um #ApoiadorMRN! Ajude contribuindo com R$ 5, R$ 10 ou R$ 20 mensais e participe do nosso grupo exclusivo de WhatsApp e muito mais. Esta é a forma que nós temos de manter e planejar o nosso projeto como um todo. Se você possui um negócio ou serviço que precisa ser divulgado, temos planos de apoio a partir de R$ 50 mensais com publicidade no nosso site e redes sociais. Clique aqui e vire um #ApoiadorMRN: bit.ly/ApoiadorMRN
Participe da campanha especial de arrecadação para viabilizar a produção e edição de conteúdo no canal do MRN no YouTube. Doe qualquer quantia de forma rápida e segura!