Em noite de clássico decisivo, valendo vaga para a final da Copa do Brasil, o experiente Juan pode completar uma importante marca pelo Flamengo. Caso entre em campo no jogo contra o Botafogo, o zagueiro chegará aos 300 jogos com o Manto Sagrado.

Revelado nas categorias de base da Gávea e com uma vasta trajetória no clube, o jogador está em sua segunda passagem pela equipe profissional do Flamengo (96-2002 e 2016-2017). Como já não é mais um garoto, acaba não aguentando uma grande sequência de jogos, mas segue se destacando pela segurança e bom posicionamento em campo. Aos 37 anos, é visto como um exemplo para os “Garotos do Ninho” e é um dos grandes líderes do elenco.

No jogo de ida das semifinal da Copa do Brasil, sem poder contar com Rhodolfo, o técnico Reinaldo Rueda escalou Juan para fazer dupla com Réver. Na ocasião, o defensor foi muito bem. A tendência é que seja titular, amanhã.

Pela marca alcançada, o Flamengo dará uma camisa comemorativa ao atleta.

Trajetória

Antes mesmo de jogar nas categorias base do Fla, ele já sonhava em defender as cores do Mais Querido. No Grajaú Country Clube, fez amizade com o então jovem Júlio César – outro velho conhecido da Nação. O zagueiro e o goleiro chegaram praticamente juntos à base do Flamengo.

Em 1996, Juan deu início à sua trajetória na equipe principal, em amistoso contra a Desportiva Ferroviária, em Vitória-ES. Na época, o zagueiro tinha apenas 17 anos – mesma idade de Vinícius Jr., hoje. Dono de um estilo técnico e cujo ponto forte é a excelente colocação, o defensor acabou conquistando seu espaço no elenco e ficou no Flamengo até 2002, quando foi vendido ao Bayer Leverkusen.

Juan em seu início de trajetória no Flamengo

Após 10 anos na Europa e várias passagens pela seleção brasileira, retornou ao Brasil em 2012, mas acabou optando pelo Internacional. Ficou no clube gaúcho até 2016, quando assinou sua volta ao Fla.

Números e títulos pelo Mais Querido

Em 299 jogos com a camisa do Flamengo, o defensor esteve em 141 vitórias, 69 empates e 89 derrotas. No atual elenco, é o jogador que mais vezes jogou pelo clube – o mais próximo é o meia Éverton, com 234 partidas (e que pode estar de saída). Só nesta segunda passagem, o defensor esteve em campo 51 vezes.

Números de Juan em sua segunda passagem

No Flamengo, Juan também se destaca pela quantidade de gols (31). É o segundo zagueiro que mais vezes marcou com a camisa do clube, ficando atrás apenas de Júnior Baiano (33). Neste ano, fez um na vitória contra a Portuguesa, no Campeonato Carioca.

 

Títulos:
– Copa Mercosul: 1999
– Copa Ouro Sul-Americana: 1996
– Copa dos Campeões: 2001
– Campeonato Carioca: 1996, 1999, 2000, 2001 e 2017
– Taça Guanabara: 1996, 1999, 2001
– Taça Rio: 1996, 2000
– Copa dos Campeões Mundiais: 1997

 

Imagem destacada no post e nas redes sociais do MRN: Gilvan de Souza/ Flamengo

Com a ajuda de Adriano Skrzypa (Flamengo em Números)


O Mundo Rubro Negro precisa do seu apoio. Contribua mensalmente com nosso trabalho. Clique aqui: bit.ly/ApoiadorMRN